Goiás acerta com o Bahia e fica com atacante Vinícius em definitivo

Vinícius acertou com o Bahia no final do ano passado, mas acabou emprestado

Foto: Rosiron Rodrigues - Goiás

Destaque na primeira parte da temporada, contribuindo com quatro gols e nove assistências, o atacante Vinícius vai ficar no Goiás em definitivo. O jogador, de 28 anos, pertencia ao Esporte Clube Bahia, e estava emprestado ao Esmeraldino até o final da temporada. Porém, os clubes chegaram a um acordo, e o atacante assinou um novo vínculo até o fim de 2025 com o Verdão. Em entrevista coletiva nesta sexta-feira, Vinícius falou sobre o acerto. Segundo apuração do “Canal Bara Bahea”, o clube baiano venceu 70% dos direitos econômicos por R$ 500 mil, e manteve os outros 30%.

 

“Estou muito feliz no Goiás. O clube está tratando da minha situação, até posso dizer, o Goiás está acertando com o Bahia o contrato em definitivo. Eu e o Goiás estamos certos, me adaptei aqui, é um clube que eu gosto muito. Já estamos certos há algum tempo, era mais a questão entre Goiás e Bahia, que já tive informação de que se acertaram. Agora é mais questões contratuais, gostaria de agradecer a todos que fizeram isso acontecer. Eu também tive minha contribuição e minha vontade de estar no Goiás”, disse Vinícius.

Atualmente, Vinícius se recupera de uma lesão, sofrida no primeiro jogo da final do Campeonato contra o Atlético-GO, no dia 26 de março. Ele voltou a jogar no segundo tempo da partida contra o Bragantino, no dia 20 de abril, pela Copa do Brasil, mas voltou a sentir a lesão na coxa esquerda. Desta forma, ele ainda não atuou na Série A.

Natural de São Paulo, Vinícius Santos Silva foi revelado nas divisões de base do Palmeiras e em 2010, aos 16 anos, foi promovido ao elenco principal, se tornando o jogador mais jovem a atuar profissionalmente pelo clube paulista. Ao todo, foram 100 jogos pelo Verdão e 8 gols marcados. Chegou a receber propostas da Europa, mas não foi negociado e acabou não despontando. Em 2014, foi emprestado ao Vitória, onde disputou 20 partidas e anotou um gol. Defendeu também Capivariano, Ceará, Coritiba, Chapecoense, Criciúma.

Fora do país, passou por Adanaspor (Turquia) e Larissa (Grécia). Em 2020, acertou com o Náutico, sendo um dos destaques do time na Série B. Pelo Timbu, disputou 57 jogos, com 14 gols e 12 assistências. Assinou um pré-contrato com o Esporte Clube Bahia antes mesmo de se despedir do Náutico, mas o rebaixamento, não chegou sequer a pisar em Salvador e foi emprestado ao Goiás.

Autor(a)

Fellipe Costa

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: futebolbahiano2007@gmail.com

Deixe seu comentário