Atlético de Alagoinhas é o primeiro bicampeão do interior em sequência

Atlético de Alagoinhas agora iguala o Fluminense de Feira, ambos com dois títulos baianos.

Após o empate em 1 a 1 no primeiro jogo no Estádio Antônio Carneiro, o Atlético de Alagoinhas conquistou neste domingo o bicampeonato baiano ao vencer o Jacuipense pelo placar de 2 a 0 no Estádio Eliel Martins, em Riachão do Jacuípe. O Carcará saiu na frente com Thiaguinho, ficou com um a mais no segundo tempo assim como aconteceu no jogo ida, mas segurou a pressão e nos acréscimos, marcou o segundo com Paulinho aproveitando rebote do pênalti cobrado por Jerry e fechando a conta. O Leão do Sisal chegou na final pela primeira vez e estava em busca do título inédito.

 

Além de se tornar o primeiro time do interior a chegar três vezes consecutivas na final do Campeonato Baiano, o Atlético de Alagoinhas agora iguala o Fluminense de Feira, ambos com dois títulos baianos. Porém, o Carcará se tornou o primeiro time do interior baiano a ser bicampeão em sequência. Em 2021, o Atlético superou o Bahia de Feira vencendo na Arena Cajueiro por 3 a 2 e conquistou o Baianão pela primeira vez.

Além do Atlético, outros três clubes do interior têm títulos baianos. O Fluminense de Feira, campeão em 1963 e 1969 (ambos em cima do Bahia, em 63 numa melhor de três, empatando duas e vencendo uma, com destaque para o goleiro Mundinho, pai do zagueiro Júnior Baiano), o Colo Colo, em 2006 (derrotando o Vitória), e o Bahia de Feira, em 2011 (também vencendo o Vitória). Com isso, Alagoinhas, Feira de Santana e Ilhéus são as únicas cidades do interior que tem time campeão baiano.

Deixe seu comentário!

PUBLICIDADE

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*