Atlético de Alagoinhas vence o Jacuipense e conquista o Bicampeonato Baiano

Thiaguinho marcou o gol do título do Carcará em Riachão do jacuípe

Foto - ASCOM AAC/Mr Fotografia

O Campeonato Baiano definitivamente ficará marcado na história, não somente pela ausência da dupla Ba-Vi no mata-mata, algo que nunca havia acontecido, mas também pela presença apenas de times do interior nas semifinais, feito inédito na competição, e destaque para o novato Barcelona de Ilhéus, que disputou a primeira divisão pela primeira vez e alcançou a semifinal, mas acabou eliminado pelo Atlético de Alagoinhas, enquanto Bahia de Feira (finalista em 2021) foi eliminado pelo Jacuipense.

 

Após o empate em 1 a 1 no jogo de ida, no Estádio Antônio Carneiro, Atlético de Alagoinhas e Jacuipense voltaram a se enfrentam neste domingo, agora no Estádio Eliel Martins, em Riachão do Jacuípe. O Carcará comandado por Agnaldo Liz buscava o bicampeonato baiano, enquanto o Leão do Sisal treinado por Rodrigo Chagas almejava um título inédito. Assim como aconteceu nos primeiros 90 minutos, o Atlético saiu na frente, ficou com um a mais em campo, mas desta vez, o time de Alagoinhas não permitiu o empate, e chegou ao segundo gol no fim, vencendo por 2 a 0 e conquistando o título estadual pelo segundo ano seguido.

No primeiro tempo, os times produziram pouco, mas o Atlético foi melhor e conseguiu abrir o placar aos 14 minutos após Thiaguinho pegar a sobra em chute de Miller, que Mota rebateu para frente. O Leão do Sisal encontrou muita dificuldade e só chegou com algum perigo no fim, mas sem nenhuma chance clara.

O Jacuipense voltou para o tudo ou nada na etapa final, mas aos 19 minutos acabou perdendo o zagueiro Newton expulso. Mesmo com um a menos, o Jacuipense pressionou, teve duas excelentes chances de empatar, uma delas com Miller salvando em cima da linha e na outra em ótima defesa do goleiro Fábio Lima. O Atlético segurou a pressão e nos acréscimos marcou o segundo gol de pênalti com Paulinho aproveitando rebote do pênalti cobrado por Jerry.

Agora Atlético e Jacuipense começam a pensar na disputa da Série D do Campeonato Brasileiro em 2022. Ambos figuram no Grupo 4, junto com ASA, CSE, Juazeirense, Lagarto, Santa Cruz e Sergipe. A equipe do Leão do Sisal será contra o Sergipe, no Estádio Eliel Martins, em Riachão do Jacuípe. Já o Carcará estreia no dia 17 contra o ASA fora de casa.

SEMIFINAL DO BAIANÃO

JOGOS DE IDA

SÁBADO, 26/03
16h00 – Bahia de Feira 0 x 1 Atlético de Alagoinhas

DOMINGO, 27/03
16h00 – Barcelona de Ilhéus 0 x 0 Jacuipense

JOGOS DE VOLTA

QUARTA, 30/03
19h15 – Atlético de Alagoinhas 1 x 0 Bahia de Feira
21h30 – Jacuipense 1 x 0 Barcelona de Ilhéus

FINAIS

03/04 – 16h – Atlético 1 x 1 Jacuipense (Carneirão)
10/04 – 16h – Jacuipense 0 x 2 Atlético (Valfredão)

Autor(a)

Fellipe Costa

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: futebolbahiano2007@gmail.com

Deixe seu comentário