Tréllez se diz bem fisicamente e deve reestrear pelo Vitória na Copa do Brasil

“Fisicamente me sinto bem e preciso readquirir o ritmo, o que será possível jogando", disse.

FOTO: Pietro Carpi/ECV

O atacante Santiago Tréllez desembarcou em Salvador no dia 16 de fevereiro e no dia seguinte já estava treinando no CT Manoel Pontes Tanajura. Porém, demorou para ser regularizado devido a punição da FIFA impedindo o Leão de regularizar jogadores em virtude da dívida com o atacante Walter Bou, que foi quitada recentemente. Desta forma, o colombiano não teve como reforçar o time no Campeonato Baiano. Mas a reestreia está próxima e deve ser na quarta-feira, contra o Glória, no Barradão, pela 2ª fase da Copa do Brasil.

 

Neste domingo, Tréllez treinou normalmente e afirmou que se encontra bem fisicamente e o que lhe falta é ritmo de jogo, já que a última partida foi pelo Sport no dia 6 dezembro de 2021, contra a Chapecoense, pela 37ª rodada da Série A. “Fisicamente me sinto bem e preciso readquirir o ritmo, o que será possível jogando. Estou pronto para jogar”, comenta .

CARREIRA

Natural de Medellín, na Colômbia, Santiago Tréllez Viveros rodou inúmeros países da América do Sul e México, como Vélez-ARG, Independiente Medellín-COL, San Luís-MEX, Morelia-MEX, Atlético Nacional-COL, Libertad-PAR, Arsenal de Sarandí-ARG, La Equidad-COL e Deportivo Pasto-COL. Em 2017, desembarcou no futebol brasileiro pela defender o Vitória, e apesar do pouco tempo no clube, teve grande destaque, marcando 11 gols em 26 partidas, sendo decisivo para manter o Leão na elite do futebol nacional naquele ano.

Logo após se destacar pelo Rubro-Negro, o colombiano foi negociado com o São Paulo por R$ 6 milhões por 70% dos direitos econômicos. No time paulista, não conseguiu vingar, e foi emprestado ao Internacional em 2019, mas também não se firmou. Em 2021, Tréllez foi emprestado ao Sport-PE, onde disputou 39 jogos e marcou apenas 1 gol. Após o encerramento do empréstimo do Leão Pernambucano, o colombiano ficou livre no mercado com o fim do vínculo com o São Paulo.

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*