Técnico do sub-20 do Bahia fala sobre ‘jogo incomum’ contra Seleção de Base

"É uma situação muito incomum. Até acontece, mas não é uma situação muito comum"

Neste sábado (26), o time sub-20 do Esporte Clube Bahia enfrentará a Seleção Brasileira Sub-20, comandada pelo treinador Ramon Menezes, em jogo amistoso marcado para o Estádio Manoel Barradas, às 19h. Em entrevista na última quinta-feira, o técnico do Esquadrãozinho, Diogo Siston, concedeu entrevista e falou sobre a expectativa para o inusitado confronto com a seleção do seu país.

 

“É uma situação muito incomum. Até acontece, mas não é uma situação muito comum. Eu, como treinador, ainda não tinha vivido isso. Mas vai ser importante importante porque a Seleção tem jogadores de muita qualidade, inclusive um jogador nosso (André), e a gente quer saber em que nível que nós estamos, principalmente a nível organizacional. Como vamos estar defendendo, atacando, os nossos processos defensivos… Então, isso vai ser importante para o restante da temporada. Nós fizemos já alguns jogos treino, mas realmente o nível da seleção aumenta um pouco esse patamar”, afirmou.

Ex-atleta com diversas passagens pelas seleções brasileiras de base, Siston também falou sobre como utilizar suas experiências para agregar aos seus atletas.

“Eu vivi experiências que eles estão vivendo, então, essas experiências eu posso usar, logicamente. Eu acho que eu tenho que utilizar a experiência que eu tive para ajudar esses atletas, para ajudar no meu trabalho, mas sem deixar o outro lado, porque o futebol evolui. O que eu vivia há 20 anos, de vestiário muitas coisas são parecidas, mas em relação ao futebol que é jogado, mudou bastante. Então, a gente tem que estar sempre se atualizando e isso não me garante, por ter sido jogador, ser um melhor profissional. Se eu aliar o estudo, as atualizações, com meu histórico de atleta e utilizar isso ao meu favor, acho que agrega melhor”, explicou.

Autor(a)

Fellipe Costa

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: [email protected]

Deixe seu comentário