Atacante tem pedido de rescisão com o Vitória negada pela Justiça do Trabalho

No processo, Alisson Farias alega salários atrasados e não pagamento de FGTS.

Foto: Letícia Martins/EC Vitória

Fora dos planos do Esporte Clube Vitória, o atacante Alisson Farias vem fazendo atividades separado do elenco comandado pelo técnico Dado Cavalcanti na Toca do Leão. O jogador tem acerto encaminhado com a Chapecoense, que disputará a Série B do Brasileiro em 2022, porém, aguarda a rescisão de contrato com o Leão.

 

O atacante de 25 anos tentou romper o vínculo por meio da Justiça do Trabalho, no entanto, teve o pedido negado pela 27ª Vara do Trabalho de Salvador foi indeferida. A decisão é do juiz Marco Antônio de Carvalho Valverde Filho. No processo, Alisson Farias alega salários atrasados e não pagamento de FGTS. Ele cobra R$ 645.474,66 do Vitória.

Natural de Lages (SC), Alisson Alves Farias foi revelado nas divisões de base do Internacional (RS) e jogou no profissional do time gaúcho entre os anos de 2015 e 2016. Passou pelo futebol português nos anos de 2016 e 2017 atuando pelo Estoril Praia, de Portugal, e retornou ao Brasil ainda em 2017 para jogar pelo Criciúma (SC). Jogou depois no Brasil de Pelotas (RS) e Coritiba (PR), e teve passagem destacada pelo CRB em 2019 antes de acertar com o Esporte Clube Vitória, que adquiriu 60% dos direitos econômicos e assinou até o fim de 2021. Pelo Leão, Alisson Farias disputou 32 jogos e teve 6 gols marcados, mas não vingou, e no ano passado foi emprestado ao CRB.

Deixe seu comentário!

1 Trackback / Pingback

  1. Vitória fecha preparação para enfrentar o Doce Mel em Cruz das Almas

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*