Danilo Fernandes diz que escolheu ficar no Bahia mesmo com propostas da Série A

Com a permanência no Bahia, Danilo também acrescenta experiência na Série B

Contratado em julho de 2021 por empréstimo junto ao Internacional até o final daquela temporada, o goleiro Danilo Fernandes teve o seu contrato renovado pelo Esporte Clube Bahia, agora assinando em definitivo. Apesar do rebaixamento à Série B, o arqueiro terminou o ano em alta com a torcida. Ele assumiu a titularidade do time comandado por Guto Ferreira e teve boas atuações. Em entrevista, Danilo Fernandes revelou que recebeu propostas da Série A, mas escolheu ficar no Esquadrão.

 

“Eu não poderia ter feito diferente. Acredito que a permanência foi a melhor escolha para poder dar a volta por cima e encerrar o ano de maneira honrosa. Temos de dar a volta por cima. Antes mesmo de acertar o ano passado o empréstimo, eu tinha falado para o meu empresário que não queria vir para passar quatro, cinco meses. Tínhamos um acordo verbal para permanência esse ano. Fiz tudo para cumprir com esse ano. Meu empresário até veio conversar comigo de outras possibilidades. Não sou jogador de ficar, quatro, meses no clube. Vou cumprir para a minha palavra, que era o que eu queira, minha família queria. Estamos bem ambientados aqui, estamos apaixonados pela cidade, pelo clube, tudo que envolve o Bahia. Clube gigante, campeão nacional.

Com a permanência no Bahia, Danilo também acrescenta experiência na Série B e conhecimento sobre o trabalho do técnico Guto Ferreira. Os dois conquistaram juntos o acesso para a Série A em 20117.

“A gente sabe que é um campeonato muito forte, cada vez mais difícil. Têm clubes que brigam todo ano pelo acesso e não estão conseguindo. Sabemos o quanto vai ser difícil. Tive uma experiência com Guto jogando pelo Internacional a Série B. É um campeonato muito disputado, às vezes deixa de ser um jogo bonito para ser competitivo. Às vezes, 1 a 0 é goleado. Fora de casa vai ser difícil, e dentro de casa os times vão se fechar para esperar o nosso erro. Guto é um cara vencedor, conhece a competição, o grupo. Está qualificando o grupo muito bem. Chegaram jogadores que vão ajudar. É uma experiência que conta, é válida. É um ano mais curto, que a gente tem que se entregar 100%. É o mínimo para fazer uma campanha qualificada”, opina o goleiro.

Danilo falou sobre os objetivos nas competições para a temporada. “Nosso principal objetivo é a competição que vamos estar disputando. Vamos para o Baiano, Nordeste, e vamos em busca dos dois campeonatos. Somos os atuais campeões do Nordeste. Somos o time a ser batido. Temos que encarar essa responsabilidade. Competição difícil, bem valorizada. Vamos iniciar o Baiano, que vamos brigar pelo título também. Toda competição que entramos é para ganhar. Vamos, a princípio, em busca desses dois títulos. Depois a Copa do Brasil entramos à frente. Vamos ver o sorteio, tem que dar uma ajudada. Tem que torcer por um caminho mais fácil. E, depois, Copa do Brasil com a Série B, nosso principal objetivo no ano.”

Natural de Guarulhos (SP), Danilo Fernandes Batista foi revelado pelo Corinthians, onde se profissionalizou em 2010, porém, teve poucas oportunidades no time principal. De 2010 até 2014, disputou apenas 23 jogos. Em 2015, foi emprestado ao Sport-PE, onde se destacou, ficando até meados de 2016, com 67 partidas disputadas.

No Internacional, até teve um bom início, se firmando com titular, no entanto, nos últimos anos sofreu com as lesões e perdeu espaço, se tornando terceira opção no elenco. De 2016 até 2021, foram 117 jogos pelo Colorado. Sem espaço, acertou com o Bahia em julho de 2021, por empréstimo, e disputou 17 jogos. Ele foi titular do time na reta final do Campeonato Brasileiro, fazendo boas partidas.

Deixe seu comentário!

2 Trackbacks / Pingbacks

  1. Em busca do 1º triunfo no ano, Bahia fará dois treinos de olho no Doce Mel
  2. Líder de desarmes, ex-Bahia comemora experiência no futebol turco

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*