Definido: Santos e Palmeiras decidem o título da Libertadores 2020

Está definida a grande final da Copa Libertadores 2020, que será disputada novamente em jogo único no dia 30 de janeiro de 2021, às 17h, no Estádio do Maracanã. O primeiro time a garantir vaga na decisão foi o Palmeiras, que sofreu horrores, mas eliminou o cascudo River Plate. No jogo de ida, na Argentina, o Verdão foi superior e venceu por 3 a 0 no Estádio Libertadores da América, placar que poderia até ter sido mais largo. Na última terça-feira, atuando no Allianz Parque, o time brasileiro teve um atuação apática e perdeu por 2 a 0, em duelo com participação decisiva do VAR, que anulou um gol da equipe argentina e um pênalti marcado pelo árbitro. O River jogou uma parte da etapa final com um jogador a menos e ainda assim, sufocou o Palmeiras no primeiro ao último minuto, mas acabou eliminado.

 

Nesta quarta-feira, foi a vez do Santos entrar em campo para garantir sua vaga à final. Depois de empatar sem gols em Bueno Aires, o Peixe massacrou o Boca Juniors na Vila Belmiro, pelo placar de 3 a 0, com gols de Diego Pituca, Soteldo e Lucas Braga. Com isso, teremos uma final de Libertadores entre dois brasileiros. O Santos, do técnico Cuca, busca o tetracampeonato da Libertadores. Foi campeão na década de 60 de forma consecutiva, na época de Pelé, levantando a taça em 1962 e 1963. Voltou a conquistar o torneio em 2011, com Neymar e companhia. O Peixe, que também foi vice-campeão em 2003, disputará a sua quinta final, assim como o Palmeiras.

O Palmeiras não disputava uma final de Libertadores desde 2000, quando perdeu para o Boca Juniors. Essa é a quinta vez que disputará o título do torneio que conquistou uma vez, em 1999, vencendo nos pênaltis o Deportivo Cali, e foi vice-campeão três vezes (1961, 1968 e 2000). Na edição de 99, o Verdão também eliminou o River Plate na semifinal.