Elias informa ao Santos que não vai ficar e está a caminho do Bahia

Elias vinha treinando no Santos, porém, clube paulista não pode registrar jogador

Após oficializar a contratação do zagueiro Anderson Martins, o Esporte Clube Bahia deve anunciar mais reforços nos próximos dias, visando dar mais opções ao técnico Mano Menezes e qualificar a equipe que vem atravessando uma fase terrível, sem vencer há oito jogos e amargando a vice-lanterna da Série A. Além do defensor de 33 anos, o Esquadrão abriu negociações para contratar o zagueiro Luiz Otávio, de 27 anos, da Chapecoense. Para o meio-campo, o principal alvo é Elias, de 35 anos, com passagens destacadas pelo Corinthians. O meio-campista foi indicado por Mano Menezes, com quem trabalhou no Timão.

 

O jogador deixou o Atlético-MG no fim do ano passado e tinha acertado com o Santos. No entanto, o Peixe não pôde registrar o atleta por conta de uma punição da FIFA, pelo não pagamento da dívida de Soteldo. Segundo o site globoesporte.com, Elias comunicou nesta quarta-feira ao Santos que não ficará no clube e encaminhou um acerto com o Esquadrão. A tendência é que as duas partes decidam por um contrato curto. O técnico Cuca, em entrevista recente, revelou que conversou com o volante e abriu o caminho para ele deixar o Santos se quiser.

“Sou aberto, chamei o Elias e disse que pode ir que ninguém vai segurar. Mesma coisa com Laércio (outro reforço que o Santos tinha apalavrado). São profissionais, precisam jogar”, disse Cuca.

Pai e empresário do jogador, Eliseu Trindade admitiu que foi procurado pelo Bahia e que entre as propostas recebidas, a do clube baiano foi a que mais chamou a atenção. Porém, ainda não confirma acerto. Veja aqui.

Natural de São Paulo (SP), Elias Mendes Trindade começou nas divisões de base do Palmeiras, porém, acabou sendo dispensado antes de chegar aos profissionais e em 2005 acertou com o Náutico, onde se profissionalizou. Passou ainda por São Bento, Juventus-SP, Ponte Preta até chegar ao Corinthians, onde ganhou notoriedade, sendo campeão brasileiro (2008) e da Copa do Brasil (2009). Foi negociado com o Atlético de Madrid e também jogou no Sporting-POR. Na volta ao Brasil, defendeu o Flamengo em 2013, onde conquistou a Copa do Brasil. Em nova passagem pelo Corinthians, de 2014 até 2016, fez parte do elenco campeão brasileiro de 2015. Em 2017, após rápida passagem pelo Sporting-POR, acertou com o Atlético-MG onde ficou até o final de 2019.

Deixe seu comentário

1 Comentário

  1. Sou torcedor do Bahia,mas nunca vi uma torcida reclamar de tudo, se o Bahia contratar Messi e CR7 ainda falarão mal. Tá contratando bem demais para condições que tem.

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*