Enderson revela ter uma renovação prevista com o Bahia para 2019

Porém, técnico admite que aproveitamento não é bom

Foto: Mauro Pimentel

Neste sábado (17), o Esporte Clube Bahia deu adeus ao sonho de buscar uma vaga na pré-Libertadores ao perder para o Atlético-MG, por 1 a 0, no Independência. Porém, a situação na tabela de classificação ainda é confortável (em 10º com 44 pontos) e o Esquadrão está por detalhes para confirmar de forma matemática a permanência na elite do futebol nacional em 2019. Após o duelo contra o Galo, em entrevista coletiva, o técnico Enderson Moreira revelou ter uma renovação prevista com o Tricolor para permanecer na próxima temporada.

“A gente nem conversou sobre nada. Já tenho previsto uma renovação. É a gente sentar e confirmar isso e começar a preparar alguma ciosa para 2019. A gente está com foco nesses três jogos. Mas um clube como o Bahia tem que pensar para frente. Tem dado passos consistentes em termos de organização e pode fazer um 2019 ainda melhor, principalmente nas competições nacionais. Pode almejar coisas maiores para a próxima temporada”, afirmou.

No entanto, Enderson admite que o aproveitamento à frente do Bahia não é bom. Até aqui, comandou a equipe em 36 jogos, com 12 triunfos, 12 empates e 12 derrotas, um aproveitamento de 44,4%. Mas ressaltou que a equipe mereceu sair vencedor de alguns jogos em que acabou não vencendo mesmo atuando de forma equilibrada e competitiva. Veja abaixo.



“O aproveitamento não é bom. A gente queria entregar mais. No campeonato, temos uma pontuação menor do que aquilo que construímos. Em muitos jogos, diferentemente de hoje, merecemos resultados melhores. Atuações de equipe equilibrada, competitiva, que tecnicamente tem um padrão interessante. Faz parte. Futebol é assim, é apaixonante por isso. Espero permanecer na próxima temporada e entregar para o torcedor coisas ainda maiores. Temos expectativa de uma boa temporada, que poderia ser ainda melhor”, admitiu.

LEIA MAIS

Deixe seu comentário