Com todo respeito, “Sr.” Presidente Marcelo Sant’Ana

Caros torcedores, vou aproveitar este instrumento democrático para tecer alguns comentários pertinentes ao atual momento do Esporte Clube Bahia. 

Com todo respeito, “Sr.” Presidente!


Quando Guto Ferreira saiu, fiquei com certo receio de quem poderia substituí-lo, pois achava que o time estava redondo, sendo que estava faltando as contratações pontuais que viriam (substituto para Jackson, substituto para Cajá, substituto para Hernane e os laterais para serem titulares ou fazer sombra aos atuais), mas para minha surpresa o “Sr.” foi rápido no gatilho e trouxe o Jorginho, que eu achava de trabalho mediano, mas torci para que o trabalho desse certo, afinal, ele encontrou um time de onze montados. 

Ledo engano, apesar de ver um pouco do dedo do treinador nos jogos que ele dirigiu a equipe, em especial a posse de bola, porém, perdemos a verticalidade do time, especialmente jogando dentro de casa e sem força no contra-ataque fora de casa, aí aconteceu o que grande parte da torcida queria, o “Sr.” novamente foi rápido no gatilho e enxergou o óbvio, demitindo Jorginho, não iríamos para frente com Ele. 

Chapecoense 1×1 Bahia
O Preto Casagrande prontamente assumiu o time de forma interina para o jogo contra a Chapecoense. Logo pensei com os meus botões: O novo técnico está na arquibancada de Chapecó acompanhando ou assistindo pela TV. Novamente ledo engano, eu aqui de casa em Vitória-ES, vi a Chapecoense pedindo para perder o jogo e o interino Preto feliz da vida por está empatando dentro da Arena Condá, tanto que tirou um atacante e colocou um zagueiro, sem contar que já tinha feito o mesmo do mesmo de Jorginho, colocando o improdutivo Gustavo Ferrareis. 

Bahia 2×1 São Paulo
Tudo bem, deixamos de ganhar dois pontos, mas não perdemos e, veio o jogo contra o São Paulo, pensei que na quinta-feira pós-jogo contra Chapecoense seria informado o novo técnico, ledo engano novamente (com perdão da repetição do termo), jogamos o futebol de Jorginho e achamos os dois gols no final do 1º tempo, e quase que Jean entrega o doce, pois cometeu um pênalti infantil, quando saiu de forma estabanada como sempre, dando munição que o adversário fizesse toda aquela pressão do 2º tempo. 

Ele gostou da forma que o time portou-se taticamente e eu aqui controlando o meu “infarto”, pois aquele segundo tempo foi um verdadeiro teste para cardíaco. E o técnico interino fazendo o mesmo do mesmo, felizmente ganhamos de um adversário direto nesta nossa luta. Pronto, pensei que o “Sr.” Presidente iria anunciar o novo técnico para trabalhar durante a semana e preparar o time para o segundo turno, pois não será nada fácil. Ledo engano outra vez. 

Marcelo Sant’Ana parece está escutando os jogadores e esquecendo-se de ouvir à torcida, eles (jogadores) vão passar e a torcida fica. Dar chance a Preto Casagrande sim, mas como auxiliar, para pegar cancha e não colocá-lo nesta fogueira em plena Série A. 

Atlético-PR 4×1 Bahia
Posteriormente, à realidade, perdemos para o Atlético-PR, normal, jogamos fora de casa, mas continuamos o mesmo do mesmo, inclusive nas substituições, sem nenhuma inovação, e o interino disse que perdemos nos detalhes e que fizemos um bom 1º tempo. Alguém tem que alertar o “Sr.”, que o campeonato seguro que queria fazer já está no 2º turno e estamos cientes que a briga é contra o rebaixamento, portanto, esperar ganhar duas partidas com o interino ou perder mais duas para correr atrás de técnico, vem sabendo que tanto faz é correr risco, principalmente em ano de eleição. 

Com todo respeito, precisamos de um técnico urgente. O Vasco já vem brigando também contra esta famigerada ZONA, o Botafogo tá com o time ajustado, inclusive o alternativo. Cuidado, pode ser tarde demais para nós torcedores e para o “Sr.”.

PS.: Técnico experiente não é sinônimo de triunfo, mas pelo menos nos livra da pecha de amadorismo, por ter disputado um turno inteiro com um iniciante para envergadura do campeonato, torço muito, mas muito mesmo, para não retornar para Série B.

Valtercio Silva, – Vitória-ES – tricolor e amigo do Blog.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*