Especulado para o ‘Bahia City’, Antônio Carlos Zago deixa o Bolívar

Em março, Zago admitiu que existia a possibilidade dele treinar o Esquadrão.

Foto: APG

Especulado para assumir o comando técnico do Esporte Clube Bahia na gestão do Grupo City, Antônio Carlos Zago deixou o Bolívar. O anúncio foi feito neste sábado (12) pelo clube uruguaio, onde ele estava desde 2021. Em março deste ano, Zago admitiu que existia a possibilidade dele treinar o Esquadrão após o conglomerado árabe assumir. Em junho, ele falou ao ge.globo que as negociações entre Bahia e Grupo City estavam adiantadas. Em setembro, seu nome ganhou mais força no Tricolor, mas o presidente do Bolívar na ocasião descartou a possibilidade de liberar o treinador.

 

“Anunciamos a saída do professor Antônio Carlos Zago, agradecendo profundamente o trabalho incansável na liderança da equipe e o título conquistado nesta temporada, desejamos a ele o maior sucesso em seus desafios futuros”, publicou o clube neste sábado (12).

Natural de Presidente Prudente (SP), Antônio Carlos Zago foi zagueiro e rodou por São Paulo, Palmeiras, Corinthians, Albacete-ESP, Kashiwa Reysol-JAP, Roma-ITA e Besiktas-TUR, Juventude, e Santos (onde se aposentou em 2007). Após ser coordenador técnico no Corinthians, iniciou a carreira de treinador em 2010, no São Caetano, passando por Palmeiras, Audax São Paulo, Juventude, Fortaleza, Internacional, Red Bull Brasil, Bragantino. Também foi auxiliar técnico na Roma e no Shakhtar Donetsk.

Em 2020, ele assumiu o Kashima Antlers, do Japão, onde ficou até 2021, quando saiu para assumir o Bolívar, após aceitar a proposta do conglomerado dono do Manchester City. Zago comandou o Bolívar em 67 partidas, com 42 vitórias, 12 empates e 13 derrotas, com 162 gols marcados e 68 gols sofridos, conquistando o torneio Apertura, nesta temporada, garantindo o clube na Libertadores do ano que vem.

Autor(a)

Fellipe Costa

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: futebolbahiano2007@gmail.com

Deixe seu comentário