Kleina desiste de candidatura à deputado e assume clube da Série B

O Brusque ocupa a 16ª colocação, com 28 pontos, mesmo número do Vila Nova, que abre o Z-4.

Foto: Jefferson Alves/BFC

Na manhã desta sexta-feira, o Brusque anunciou a contratação do técnico Gilson Kleina, de 54 anos, que desistiu da candidatura a deputado federal pelo Paraná para comandar o time de Santa Catarina na reta final da Série B do Campeonato Brasileiro. Ele assume a equipe após a demissão de Luan Carlos. O Brusque ocupa a 16ª colocação, com 28 pontos, mesmo número do Vila Nova, que abre o Z-4.

 

“Desde a última agremiação que eu estava, a Chapecoense, o nosso estado estava querendo direcionar profissionais do esporte. Não só eu, mas muitos da região. A minha bandeira é esporte, é futebol. Eu me dedico a isso a vida toda. Não tem como estar em outra situação. Mas, ao mesmo tempo, precisamos entender outras situações, é importante isso. Meu foco é totalmente futebol. Não deixei em momento algum de trabalhar para fazer essas funções. Quero agradecer os esforços que a diretoria fez para me trazer. Sabemos do orçamento e das limitações.”, disse o treinador. 

“É motivo de muito orgulho pegar esse desafio. A gente sabe o que representa uma equipe promissora como o Brusque, que está numa ascensão no cenário nacional. Já peguei equipes parecidas e que hoje estão em outro patamar. Eu sei que temos esse desafio. De repente, a estrutura física não é ainda da grandeza do Brusque, mas entendo que temos que superar essa situação. Temos que entender o que se passa, a realidade do clube e, ao mesmo tempo, tentar fazer uma melhoria com a nossa experiência. O mais importante é entregar o resultado”, finalizou.

Gilson Kleina acumula passagens por Palmeiras, Bahia, Avaí, Coritiba, Goiás, Ponte Preta, Chapecoense, Náutico, Criciúma, entre outros. A passagem de Kleina pelo Esquadrão aconteceu em 2014 e durou apenas três meses. Durante esse período, foram 23 partidas disputadas, com seis vitórias, sete empates e dez derrotas, aproveitamento de 36%. Seus títulos como treinador são: Série B de 2013 pelo Palmeiras; Campeonato Alagoano de 2006 pelo Coruripe e o Paranaense de 2002 pelo Iraty.

Autor(a)

Fellipe Amaral

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: futebolbahiano2007@gmail.com

Deixe seu comentário