Vitória não perde para o Figueirense desde 2016; Veja retrospecto

No retrospecto geral entre os clubes, o Rubro-Negro também leva vantagem.

Foto: Victor Ferreira/ECV

Após estrear no quadrangular final do Campeonato Brasileiro da Série C com o pé direito, vencendo o Paysandu por 1 a 0 no Estádio Manoel Barradas, o Esporte Clube Vitória volta a campo neste domingo para o seu primeiro compromisso fora de casa. Além de buscar manter a invencibilidade sob o comando do técnico João Burse (que ostenta seis vitórias e três empates), o Leão defende um tabu de seis anos diante do Figueirense. O Rubro-Negro não perde para o clube catarinense desde 2016. De lá até aqui, foram seis jogos disputados, com três vitórias e três empates.

 

O último revés do Vitória para o Figueirense foi na 17ª rodada do Campeonato Brasileiro de 2016. Na ocasião, o time comandado por Vagner Mancini perdeu por 1 a 0, no Estádio Orlando Scarpelli, com gol marcado pelo meia Dodô. O time catarinense chegou a vencer o Leão três jogos seguidos (duas vezes em 2014, por 1 x 0 e 2 x 0, além dessa partida de 2016). No mesmo ano da última derrota, o Rubro-Negro reencontrou o Figueirense pelo segundo turno do Brasileiro e goleou por 4 a 0, no Barradão, com gols de Willian Farias, Zé Love, Kieza e Marinho. O resultado rebaixou o Figueira para a Série B naquele ano.

Na Série B de 2019, os times voltaram a se enfrentar duas vezes, e ambos os jogos terminaram empatados: 1 a 1 no Orlando Scarpelli, e 2 a 2 no Barradão. Já em 2020, novamente pela Série B, o Vitória empatou fora de casa sem gols e venceu 3 a 0 no Barradão, com gols de Fernando Neto, Léo Ceará e Guilherme Rend. Esse ano, pela primeira fase da Série C, o Leão venceu pelo placar de 2 a 0. Rafinha e Luidy marcaram os gols.

No retrospecto geral entre os clubes, o Rubro-Negro também leva vantagem, com oito vitórias, cinco empates e cinco derrotas, além de 31 gols marcados e 19 sofridos. Como visitante, porém, o time baiano acumula três triunfos, dois empates e quatro resultados negativos.

 

Autor(a)

Fellipe Costa

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: futebolbahiano2007@gmail.com

Deixe seu comentário