SAF do Bahia: “Está muito próximo, mas é um processo complexo”, diz Vitor Ferraz

"e fato evoluímos bastante estamos mais perto de ter condições de levar aos nossos conselheiros"

O Esporte Clube Bahia caminha para concluir  a negociação com o Grupo City e decretar ser o mais novo clube da Sociedade Anônima de Futebol (SAF) do conglomerado mundial. De acordo com o vice-presidente do clube, Vitor Ferraz, alguns detalhes da proposta mais minuciosa ainda estão a serem resolvidos, mas o tema evoluiu internamente.

 

“São temas que estão em paralelo. Eles não se comunicam, mas quando se avalia a repercussão econômica ter uma questão como essa resolvida ajuda no processo. Sobre a SAF, o presidente (Guilherme Bellintani) deu declarações recentes e de fato evoluímos bastante estamos mais perto de ter condições de levar aos nossos conselheiros e sócio uma proposta mais detalhada para compreender e dar oportunidade de tomar decisão. Em resumo está muito próximo, mas é um processo complexo”, explicou o gestor, em entrevista ao jornal A Tarde.

Referente ao vínculo com o Opportunity, avaliado em R$ 100 milhões segundo especulações, deve acontecer uma redução de no máximo 60%, segundo informado pelo presidente Guilherme Bellintani em entrevista ao InfoBahêa. Dessa maneira, existe a projeção de que o parecer seja lido pelo Conselho Deliberativo até o término de julho. A atual proposta já está com o Conselho Fiscal do Esquadrão e deve ser avaliada para ser apreciada, posteriormente, pelo Conselho Deliberativo.

Deixe seu comentário

Autor(a)

14/07/2022 às 23h00

Pedro Moraes

Jornalista, formado pela Universidade Salvador (Unifacs). Possui passagens em vários ramos da comunicação, com destaques para impresso, sites e agências de Salvador e São Paulo. Contato: [email protected]

2 Trackbacks / Pingbacks

  1. Titular no Guarani, lateral-direito pontua versatilidade e projeta desenvolvimento
  2. No último encontro, Vitória venceu o Paysandu com show de Escudero

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*