Milton Neves coloca Bahia e Vitória entre os times que precisam aderir à SAF

Quem também caminha para se tornar um clube-empresa é o Esporte Clube Bahia

Foto: Divulgação

Um dos assuntos mais discutidos atualmente no futebol brasileiro é a SAF (Sociedade Anônima de Futebol), um modelo de clube-empresa que é muito utilizado na Europa, e ganhou força no Brasil após a compra do Cruzeiro pelo ex-atacante Ronaldo Fenômeno por R$ 400 milhões com o intermédio da XP Investimentos. Botafogo também ingressou nesse novo modelo, tendo 90% de suas ações adquiridas pelo empresário americano John Textor, enquanto o Vasco negociou 70% da SAF com a 777 Partners.

 

Quem também caminha para se tornar um clube-empresa é o Esporte Clube Bahia, que tem uma proposta do Grupo City e está estudando a SAF há algumas semanas em eventos promovidos pelo Conselho Deliberativo. O presidente Guilherme Bellintani revelou recentemente que o projeto está avançado e deve ser levado a votação em breve.

Através de suas redes sociais, o jornalista Milton Neves listou alguns times que considera urgente a migração para o modelo de clube-empresa, olhando a atual situação do futebol brasileiro. Entre as equipes citadas, estão Bahia e Vitória, que passam por momentos complicados financeiramente após rebaixamento, além do Santos, clube pelo qual se declara torcedor.

Também foram citados América-RJ e Juventus-SP, que há vários anos figuram nas divisões inferiores. Há também a Portuguesa, que luta por uma vaga na Série D do Brasileirão, e tenta retornar à elite do Campeonato Paulista.

Os dez clubes listados por Milton Meves foram: Santos, Vasco, Bahia, Vitória, Portuguesa-SP, Coritiba, América-RJ, Guarani, Ponte Preta e Juventus-SP.

Autor(a)

Fellipe Costa

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: futebolbahiano2007@gmail.com

Deixe seu comentário