Chagas alerta Jacuipense para semifinal do Baianão: “Não se pode mais errar”

O técnico Rodrigo Chagas alerta para o início dos mata-matas da competição.

Após emplacar sete vitórias em sete jogos, conquistando vaga nas semifinais e a liderança de forma antecipada no Campeonato Baiano, o Esporte Clube Jacuipense sofreu duas derrotas das duas últimas rodadas da primeira fase, perdendo para Bahia (4 x 1 na Fonte Nova) e Atlético de Alagoinhas (3 x 2 no Eliel Martins). Diante do Carcará, o Leão do Sisal chegou a abrir 2 a 0 no placar e vencia até os 30 minutos do segundo tempo, mas vacilou e levou a virada. O técnico Rodrigo Chagas fez um alerta para o time visando os jogos decisivos da semifinal do Baianão, contra o Barcelona de Ilhéus.

 

“Agora é o momento que não se pode mais errar, principalmente como aconteceu no segundo tempo [do jogo contra o Atlético-BA). Faltando 15 minutos, tivemos um apagão muito grande, oferecemos o empate e logo em seguida a virada. São momentos como esse que não podemos deixar que aconteçam na competição”, afirmou na entrevista coletiva.

Rodrigo Chagas não acredita que o Jacuipense se acomodou nas rodadas finais. Segundo ele, foram dois jogos para testar equipes alternativas.

“Não acredito que tenha sido uma puxada no freio de mão não. Na realidade, foram os dois últimos jogos que eu pude colocar times alternativos e nesses dois últimos jogos o resultado não veio. Estávamos fazendo uma grande partida até os 30 minutos do segundo tempo e de repente foi um apagão geral e sofremos a derrota. Isso serve de lição, de aprendizado para que a gente possa amadurecer e fortalecer psicologicamente dentro da competição. Agora não pode a ver mais erros, pelo contrário, agora nós temos que acertar o tempo todo para chegarmos fortes na semifinal diante do Barcelona e, se Deus quiser, passar para a final”, disse.

 

Autor(a)

Fellipe Costa

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: futebolbahiano2007@gmail.com

Deixe seu comentário