Vitória tem pênalti não marcado e só empata na estreia de Dado Cavalcanti

O próximo compromisso do Vitória é no domingo, às 16h, diante do Barcelona de Ilhéus

Foto: Pietro Carpi/Divulgação/E.C. Vitória

Fora da Copa do Nordeste em 2022 por ter sido eliminado pelo Botafogo-PB na fase eliminatória, o Esporte Clube Vitória tem o Campeonato Baiano como única competição nesses primeiros meses do ano, e é claro, com o Estadual ganhando uma importância maior, especialmente pelo fato do Leão ter sido eliminado na primeira fase nas últimas três edições e não conquistar o título desde 2017. Na tarde deste domingo (16), o Rubro-Negro estreando o técnico Dado Cavalcanti e desfalcado de alguns jogadores por conta da Covid-19, estreou no Baianão e ficou no empate em 1 a 1 com a Juazeirense no Estádio Manoel Barradas.

 

O Cancão de Fogo saiu na frente aos 21 minutos com o volante Patrik arriscando de fora da área e vencendo o goleiro Lucas Arcanjo. Aos 26 minutos, o Leão teve um pênalti não marcado. Luidy foi derrubado na linha da grande área, mas o árbitro assinalou falta fora da área. Como não existe VAR na primeira fase do Baianão, o árbitro não teve como rever o lance. Mas aos 35 minutos, o centroavante Guilherme Queiróz dominou fora da área e finalizou rasteiro no canto, sem chances para o experiente Rodrigo Calaça.

Com o resultado, o Vitória ocupa a 5ª colocação, com a mesma pontuação de Juazeirense, Bahia de Feira e Bahia. Atlético de Alagoinhas e Jacuipense foram os únicos até aqui a vencerem na estreia. O Carcará lidera com 3 pontos e saldo positivo de 3. Na noite deste domingo, a rodada será finalizada com o duelo entre Unirb e Barcelona de Ilhéus.

O próximo compromisso do Esporte Clube Vitória é no domingo (23), às 16h, diante do Barcelona de Ilhéus, na Arena Cajueiro, em Feira de Santana. A Juazeirense, por sua vez, encara o Jacuipense no mesmo dia, às 16h, no Estádio Adauto Moraes, em Juazeiro.

No sábado, Bahia de Feira e Bahia empataram por 2 a 2 na Arena Cajueiro, em Feira de Santana. Já o Jacuipense estreou vencendo o Doce Mel pelo placar de 1 a 0 no Estádio Manoel Barradas. Atual campeão, o Atlético de Alagoinhas também estreou no sábado e goleando o Vitória da Conquista pelo placar de 4 a 1 no Estádio Antônio Carneiro.

Na primeira fase, as 10 equipes disputam em turno único, jogos todos contra todos, em jogos só de ida. Os quatro melhores garantem vaga na semifinal, que já terá jogos de ida e volta. O time de melhor campanha enfrenta o 4º, e o 2º duela com o 3º. Os dois classificados decidem o título em 180 minutos. O campeão disputará a Copa do Nordeste de 2023 e a Copa do Brasil de 2023, o segundo e terceiro colocado disputarão a Copa do Brasil de 2023. A segunda vaga para disputar a fase de grupos da Copa do Nordeste de 2023 será a equipe melhor qualificada pelo Ranking da CBF. As três equipes melhores posicionadas na classificação geral da competição terão direito de disputar a Série D de 2023 desde que não sejam integrantes de outras séries do Campeonato Brasileiro.

JOGOS DA 1ª RODADA DO BAIANÃO

SÁBADO, 15/01
16h00 – Bahia de Feira 2 x 2 Bahia
16h00 – Jacuipense 1 x 0 Doce Mel
18h30 – Atlético 4 x 1 Vitória da Conquista

DOMINGO, 16/01
16h00 – Vitória 1 x 1 Juazeirense
18h30 – UNIRB x Barcelona de Ilhéus

Deixe seu comentário!

1 Trackback / Pingback

  1. Capixaba diz que se "sentiu bem" no jogo da queda do Bahia e com vontade de jogar no Fortaleza

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*