‘A passagem pelo Bahia não foi da maneira que eu almejava’, diz Clayson

Emprestado ao Cuiabá em 2021, Clayson atuou em 39 partidas, com 3 gols e 5 assistências.

Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia

Na última sexta-feira, o Esporte Clube Bahia anunciou a rescisão de contrato do atacante Clayson, que retornou ao clube no início do ano após passagem pelo Cuiabá, onde foi um dos destaques da equipe mato-grossense. Na última quarta, ao justificar a ausência do jogador no jogo contra o Doce Mel, o Tricolor informou que estava aguardando o inquérito policial da acusação de agressão, porém, o técnico Guto Ferreira revelou que existia uma questão salarial. As partes chegaram a um acordo e encerraram o vínculo em comum acordo. Por meio das redes sociais, o jogador falou sobre a passagem pelo Esquadrão e lamentou não ter sido como esperava.

 

“Amigavelmente, acertamos minha rescisão de contrato com o Bahia. A passagem não foi da maneira que eu almejava, ainda mais com dois anos muito difíceis de pandemia. Agradeço pelo período e por tudo, com título baiano em 2020. Tive um empréstimo ao Cuiabá, onde fizemos um grande ano, também com título estadual. Uma grande participação e com todo grupo realizamos o objetivo de ficarmos na Série A. Agora é pensar no futuro, pois certamente coisas boas estão por vir”, postou nas redes sociais. 

Natural de Botucatu (SP), Clayson Henrique da Silva Vieira, de 26 anos, surgiu no União São João e acumula passagem também pelo Ituano antes de chegar a Ponte Preta onde ficou de 2015 até maio de 2017, chamando a atenção do Corinthians que pagou R$ 3,5 milhões, além de ter enviado Claudinho e Léo Artur para o clube de Campinas. Na Macaca, atuou 84 vezes e marcou 6 gols.

Pelo Timão, foram 143 jogos, marcando 14 gols e dando 22 assistências, participando da conquista do Brasileiro de 2017 e do bicampeonato paulista. No início de 2020, foi negociado com o Bahia por R$ 4 milhões, porém, não deslanchou e se tornou um dos jogadores mais contestados do elenco na última temporada. Disputou 42 jogos e marcou 3 gols. Emprestado ao Cuiabá em 2021, atuou em 39 partidas, com 3 gols e 5 assistências.

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*