Wagner Lopes deseja seguir no Vitória, mas respeita decisão da diretoria

“É claro que eu quero fazer parte dessa renovação", disse o treinador.

Foto: Reprodução / TV Vitória

Com o rebaixamento para Série C do Campeonato Brasileiro, o Esporte Clube Vitória obviamente passará por uma grande reformulação para a temporada 2022, quando também não disputará a Copa do Nordeste. Neste domingo, o Leão se despediu de 2021 perdendo para o Vila Nova por 1 a 0 no Barradão e amargando o rebaixamento à terceira divisão junto com Remo, Confiança e Brasil de Pelotas. Questionado sobre seu futuro no clube, o técnico Wagner Lopes afirmou que deseja permanecer no próximo ano, mas deixa a decisão nas mãos da diretoria.

 

“É claro que eu quero fazer parte dessa renovação, quero fazer parte dessa reestruturação, caso isso vá acontecer. Mas são muitas perguntas que a gente tem. A gente sabe que muita coisa precisa mudar. Mas a gente respeita qualquer decisão que a diretoria tomar”, completou.

Wagner Lopes destacou a importância de realizar uma reformulação para a temporada 2022. “Eu acredito, sim, que é primordial, é urgente. E essa reformulação é muito mais profunda do que a sua pergunta sugere, na minha visão. E eu acredito que o planejamento já foi feito, tanto se ficasse na Série B quanto na Série C. Acredito que isso já tenha sido feito. A nova diretoria que entrou, pessoas capacitadas, inteligentes, que sabem que precisa dessa reformulação. O nível de profundidade vai depender do nível de investimento, então isso é que tem que sentar e conversar, e com muitas reuniões, na minha visão”, destacou.

Autor(a)

Fellipe Costa

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: [email protected]

Deixe seu comentário