No Grêmio, Vagner Mancini pode ser rebaixado pela 6ª vez na carreira

a cada rodada que passa, a situação do Grêmio vai piorando no Brasileirão

Foto: Mourão Panda / América-MG

No ano passado, o técnico Vagner Mancini fazia um bom trabalho no Atlético-GO até receber uma proposta do Corinthians e deixar o clube goiano. Após ser demitido pelo clube paulista, acertou com o América-MG esse ano e novamente fazia um bom trabalho até chegar uma proposta do Grêmio, vice-lanterna do Campeonato Brasileiro da Série A. O treinador, com passagens pelo Esporte Clube Vitória, não pensou duas vezes e “seduzido” por uma oferta melhor, aceitou a missão de tentar livrar o time gaúcho do rebaixamento.

 

No entanto, a cada rodada que passa, a situação do Grêmio vai piorando e a Série B se tornando ainda mais uma realidade. Após perder para Atlético-GO (2×0) e Palmeiras (3×1), o time gaúcho foi derrotado na última quarta-feira pelo Atlético-MG, por 2 a 1, no Estádio do Mineirão, com gols de Zaracho e Vargas. Com o revés, o time gremista segue na vice-lanterna com 26 pontos, sete pontos abaixo do Bahia, primeiro fora do Z4.

Comandando o Grêmio, Vagner Mancini pode sofrer seu sexto rebaixamento. Ele foi rebaixado em 2010 (Guarani), 2011 (Ceará), 2012 (Sport), 2014 (Botafogo), 2018 (Vitória).

“Estamos aqui tentando encontrar explicações, mas não importa. O que importa é que temos que reagir, não me interessa como. Temos que reagir, temos que ter equilíbrio emocional. Temos que realinhar, colocar o trem novamente nos trilhos”, afirmou. 

 

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*