Fernando Diniz pode ser demitido pelo Santos antes de enfrentar o Bahia

O técnico Fernando Diniz admite que o Santos tem oscilado mais do que o esperado

Foto: Divulgação/Santos

Após a derrota neste sábado por 2 a 1 para o Cuiabá, a pressão em cima do técnico Fernando Diniz aumentou internamente no Santos. Conselheiros do clube pedem a demissão do treinador e a contratação de Fábio Carille, ex-Corinthians. O Peixe completou seis jogos sem vencer, contando a Copa do Brasil, Campeonato Brasileiro e Copa Sul-Americana. Segundo informação vinda da imprensa paulista, o Santos já estuda uma forma de demitir Fernando Diniz antes mesmo do jogo contra o Esporte Clube Bahia, marcado para o próximo sábado, às 21h, na Vila Belmiro.

 

Após a derrota para o Cuiabá, o técnico Fernando Diniz admitiu que o Santos tem oscilado mais do que o esperado e que as críticas são pertinentes, mas acredita que a equipe pode melhorar.

– O trabalho neste momento estamos oscilando mais do que devíamos. As críticas são pertinentes, temos que saber aceitar e melhorar o time. A oscilação se constrói por um time que vai se mexendo o tempo todo, que está fazendo uma reconstrução. Oscilação é normal, mas era para termos ganhos muito mais jogos que ganhamos no campeonato. Estamos oscilando mais do que deveria, temos que trabalhar para ter mais estabilidade e voltar a vencer – analisou Diniz.

– O torcedor está no direito de protestar. Nenhum torcedor está contente, eu não estou contente com a ausência de resultados. Os protestos são normais, esperados, o torcedor está certo de estar revoltado – acrescentou, em outra resposta.

– A oscilação foi muito grande, tem uma explicação, a saída de jogadores, termos que mudar o tempo todo, então essa é a dificuldade. A oscilação foi o ponto negativo. O ponto positivo foi, principalmente quando achamos uma forma de jogar no começo, a gente era um time que tinha muita imposição dentro e fora de casa. E isso é algo que vai voltar a acontecer, questão de treino, chegada dos jogadores, e a gente poder trabalhar para melhorar o time e dar sequência no campeonato de uma maneira positiva.

 

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*