Bruno Lopes analisa derrota do Bahia e gols sofridos diante do Grêmio

"Acredito que na primeira parte tivemos mais situações em contra-ataque", disse.

O Esporte Clube Bahia perdeu para o Grêmio na noite deste sábado, pelo placar de 2 a 0, em Porto Alegre, pela 17ª rodada do Brasileirão. O primeiro gol foi marcado pelo atacante Miguel Borja, aos 3 minutos do 2º tempo, enquanto Diego Souza anotou o segundo aos 49 minutos. O Tricolor Baiano não vence há sete jogos na Série A, com seis derrotas e um empate. Após a partida, o técnico Bruno Lopes respondeu as perguntas enviadas pela imprensa. O treinador fez uma análise da partida e acredita que faltou criar mais chances de gols.

 

“Acho que o Bahia foi parte ativa. Se contabilizarmos oportunidades de gol que criamos na primeira parte, acredito que fomos uma parte ativa. Na segunda parte, apesar de termos sofrido gol muito cedo, a equipe a partir disso se soltou mais. Acredito que na primeira parte tivemos mais situações em contra-ataque, com bloco mais baixo. Na segunda conseguimos empurrar o Grêmio. Não criamos as oportunidades que queríamos. Mas sem dúvida fomos uma parte ativa”, comentou.

Bruno também analisou os dois gols do adversário. “O primeiro gol é uma coisa que acontece, identificada e precisamos corrigir com trabalho. Só com o trabalho que se consegue corrigir. O segundo gol não. A equipe estava lançada para o ataque para tentar tudo por tudo para chegar ao empate. O primeiro gol tem a situação identificada com o próprio treinador. Com trabalho, com certeza, vamos resolver esse problema”, disse.

Com o novo revés, o Bahia permanece na 13ª colocação com 18 pontos, mas pode perder posições até o complemento da rodada e colar no Z4. Já o Grêmio contabiliza agora 16 pontos e salta para a 17ª posição.

Na sequência da competição, o Bahia enfrenta o Fluminense no dia 30 de agosto, às 19h, no Estádio do Maracanã, pela penúltima rodada do 1º turno.

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*