Índio Ramírez comenta recuperação e projeta retorno no final de setembro

ndio Ramírez segue em processo de recuperação no CT Evaristo de Macedo

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

Em recuperação de uma cirurgia no joelho, realizada em março na Colômbia por determinação do Atlético Nacional, o meia Índio Ramírez  permanece em trabalho intenso no CT Evaristo de Macedo para voltar o quanto antes aos gramados. Em entrevista nesta sexta-feira ao GE, o colombiano explicou como tem sido a rotina de recuperação e projetou o retorno aos campos para o final de setembro.

 

“Fazendo muito trabalho no campo, trabalho na areia. E muitas coisas boas já para ficar bem para a voltar aos gramados. Sempre fazemos trabalhos de força e depois trabalho com bola. No campo, trabalho com corrida para melhorar, voltar”, disse, em entrevista ao GE.

“Não tem data prevista. Pode acontecer antes ou um pouco depois. Não sei. Acho que um mês e meio estou treinando com o grupo. Mas para liberar para jogo, acho que final de setembro, início de outubro”, completou.

Natural de Medellín, na Colômbia, Juan Pablo Ramírez Velásquez, de 23 anos, é canhoto, tem 182cm, e surgiu nas divisões de base do Atlético Nacional, se profissionalizando em 2016. Foi emprestado no ano seguinte ao Atlético Bucaramanga, também da Colômbia. Acumula passagens também por outras equipes do mesmo país, como Deportivo Pasto e Leones FC. O jovem atleta também soma convocações para a Seleção Sub-23 do seu país. Chegou ao Bahia com o Campeonato Brasileiro em andamento e rapidamente se transformou em uma das peças mais importantes do time. Índio Ramírez disputou 11 jogos e marcou três golaços pelo Tricolor, contra Flamengo, Corinthians e Internacional.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*