Com 88,59% dos votos, sócios do Bahia aprovam venda do Fazendão

O Esquadrão tem uma proposta da construtora MRV no valor de R$ 22 milhões

Na tarde deste sábado, em Assembleia Geral Extraordinária realizada de forma virtual, os sócios do Esporte Clube Bahia aprovaram a venda do Fazendão. Com participação recorde, a decisão teve 88,59% de aprovação com 3130 votos a favor. Apenas 416 sócios foram contra. Ao todo foram 3.549 votos, sendo 16 abstenções. O Esquadrão tem uma proposta da construtora MRV, no valor de R$ 22 milhões dividido em 30 parcelas, 18 vezes de R$ 488.888,89 e 12 de R$ 1.100.000,00. Vale lembrar que a venda do antigo CT teve seu parecer aprovado pelo Conselho Deliberativo antes da votação dos sócios.

 

O CT do Fazendão, batizado como Centro de Treinamento Osório Villas-Boas, em homenagem ao ex-presidente do clube, responsável pela conquista do primeiro campeonato nacional em 1959, foi inaugurado pelo clube em 1979, no bairro de Itinga, cidade de Lauro de Freitas, Região metropolitana de Salvador. Construído numa área de 120 mil m², dispõe de quatro campos de treinamento, além de uma sede administrativa, hotelaria das divisões de base, sala de imprensa e arquibancada com capacidade para 3 mil lugares. Em 2009 foi totalmente reformado, construindo uma academia e uma sala de fisiologia, além de outros retoques. Foi utilizado como local de treinamento do Bahia até o final de 2019, quando o clube se mudou para a moderna Cidade Tricolor, conhecida como CT Evaristo de Macedo, em homenagem ao ex-treinador campeão brasileiro em 88.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*