Bahia consegue efeito suspensivo e terá Juninho e Daniel contra o Inter

Em recuperação de lesão, Nino Paraíba segue fora.

Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia

O técnico Dado Cavalcanti ganhou dois reforços para o próximo compromisso do Esporte Clube Bahia, contra o Internacional, marcado para este domingo, às 20h30, no Estádio Metropolitano de Pituaçu, pela 3ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A. Na sexta-feira, o auditor Mauro Marcelo de Lima e Silva, do Pleno do STJD, acatou o pedido do clube e concedeu efeito suspensivo para as punições impostas ao lateral Nino Paraíba, ao zagueiro Juninho e ao meia Daniel, que pegaram jogos de gancho por conta da briga na final da Copa do Nordeste. Com a decisão, Juninho e Daniel reforçam o Tricolor neste domingo. Nino, por sua vez, segue fora já que se recupera de lesão.

 

“Informo que, através de despacho, foi deferido parcialmente o pedido de efeito suspensivo pleiteado pelo clube EC Bahia, sendo deferido a penalidade de multa imposta e, em relação aos atletas foi concedido o benefício apenas naquilo que exceder o prazo definido em Lei, ou seja, o efeito suspensivo terá validade apenas depois de cumprida a segunda partida de suspensão, devendo serem cumpridas nos termos do art. 171 §1º”, escreveu o auditor na decisão.

Suspenso preventivamente pelo presidente do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), Nino pegou a punição mais pesada, com sete jogos de suspensão, e já cumpriu quatro partidas de gancho. Daniel e Juninho pegaram seis jogos de gancho e ficaram fora de duas partidas. Os três atletas, portanto, cumpriram os jogos mínimos de suspensão e estão liberados para atuar. O efeito suspensivo é válido até que um novo julgamento, que será realizado no Pleno do STJD. A sessão não tem data para ocorrer.

 

 

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*