Bellintani diz que Bahia negocia com centroavante “mais cascudo”

"Estamos negociando com um centroavante um pouquinho mais cascudo", disse.

Foto: Felipe Oliveira/Divulgação/EC Bahia

Recentemente, o presidente Guilherme Bellintani revelou que busca reforços para três setores visando a disputa do Campeonato Brasileiro da Série A. Uma das prioridades é a contratação de um centroavante para fazer sombra a Gilberto. Desde a saída de Fernandão, o Esquadrão não tem outro atacante de ofício para atuar quando o titular não estiver à disposição. Em live ao Canal do Nicola, Bellintani voltou a falar sobre a chegada de um novo centroavante que tem negociações avançadas. Segundo o mandatário, o jogador é um pouco mais cascudo.



“Estamos negociando com um centroavante um pouquinho mais cascudo, com nível de experiência em Série A. Naturalmente não temos condições de trazer um dos centroavantes mais disputados, mas estamos negociando com um pouquinho mais experiente”, disse o presidente tricolor.

O presidente também afirmou que caso alguma peça importante deixe o clube, vai buscar uma reposição. “É normal para o caso de a gente perder alguma peça importante, como é o caso de Gilberto, a gente precisa de reposição. Não estamos planejando isso. Tenho dito muito sobre a questão de Gilberto, ele tem contrato até dezembro. Temos o compromisso moral com o jogador de que se surgir alguma coisa boa para ele e que seja razoável para o Bahia, não vamos ficar fazendo jogo. Temos parceria com o jogador mesmo. Temos que proteger nosso patrimônio, mas também entender que se surgir uma proposta que ele queira ir, não quero ninguém insatisfeito no Bahia. Não é o caso de Gilberto, ele não está insatisfeito, mas se surgir alguma coisa para ele e razoável para o clube, não vamos cair na provocação entre clube e jogador. Se de fato surja uma proposta que seja honesta e justa para o Bahia, faremos, mas não existe nada concreto neste momento. Nosso projeto é seguir com Gilberto. Lógico que pode surgir e surgindo, vamos buscar uma reposição. Muito difícil buscar uma reposição à altura dele, mas teria que buscar”.

Comentários:

1 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*