Meia do Bahia será julgado nesta sexta pela expulsão no jogo contra o Flamengo

Daniel foi denunciado com base no artigo 258, inciso II,

Foto - Felipe Oliveira / EC Bahia

Nesta sexta-feira, o meia Daniel será julgado pela Quinta Comissão Disciplinar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol (STJD) por conta da expulsão no jogo contra o Flamengo, que aconteceu em dezembro do ano passado, e terminou com vitória do time carioca por 4 a 3 no Maracanã. O meio-campista recebeu o cartão vermelho nos minutos finais de partida e, de acordo com a súmula, reclamou de maneira desrespeitosa com a arbitragem.

“Expulso por contestar a decisão da arbitragem de maneira ofensiva, dizendo as seguintes palavras: ” Isso é uma vergonha, você é uma vergonha”. O jogador deixou o campo de jogo normalmente”, escreveu o árbitro na súmula.

Daniel foi denunciado com base no artigo 258, inciso II, que aborda a ação de desrespeitar membros da equipe de arbitragem, ou reclamar de forma desrespeitosa contra as decisões do árbitro. A pena prevista é de um a seis jogos de suspensão.

Comentários:

2 Comentário

  1. infelizmente no futebol e assim,o presitende tem que entender que o jogador fica desgatado no clube,e nao poderia renovar tipo nino paraiba,lucas fonserca,andesson e outros que nem lembro,mais esse tal de andesson mim faça um garapa viu o cara entra ja com medo pow,nao passa nem um tipo de segurança pra o time na moral presidente ja chega desse andesson viu,nino ainda e o melhor lateral que o bahia tem,lucas fonserca o melhor zagueiro mais tudo isso e culpa do presidente,que nao teve planejamento,ele pode ser um bom gestor adm mais pra contrataçao ta mal pow

  2. Não será desfalque, más sim reforço. Tomara que pegue uma bela suspensão. No jogo contra seu ex clube enterrou o baba, errou 90% dos passes, e todos com risco alto de contra ataque. Ronaldo foi outro fora da curva, esses caras parece que quanto mais treina pior fica. Ou é desinteresse e falta de motivação.
    Nesse time do Bahia, só salva Gilberto, Ramires e menção honrosa para Lucas Fonseca.
    O resto o Bahia tem que passar o rodo, após o término do campeonato.
    Porém tem um agravante,o Presidente amador, já renovou o contrato da maioria e alguns com contrato longo.
    O entregador de gols goleiro Anderson, já renovou contrato várias vezes. Deve ter um padrinho no Bahia ou a Direção, não conhece futebol.

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*