Caso Ramírez: STJD acata pedido de Mano para depoimento virtual

Comissão de arbitragem vai prestar depoimento nesta segunda-feira

Foto - Alexandre Cassiano / AG. O Globo

O técnico Mano Menezes, que recentemente comandou o Esporte Clube Bahia, vai prestar depoimento de maneira virtual ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva pela denúncia de injúria racial do volante Gérson ao meia Ramírez. O pedido foi feito pelo próprio treinador e o relator do caso, o auditor do STJD Maurício Neves Fonseca, vai remarcar para ouvir o treinador, que está desempregado desde que deixou o clube baiano. Nesta segunda, está previsto que o árbitro Flávio Rodrigues de Souza e os auxiliares Marcelo Carvalho Van Gasse e Danilo Ricardo Simon Manis, além do quarto árbitro Daniel Victor Costa Silva, sejam ouvidos em sessão presencial no tribunal desportivo.

 

Após a abertura de inquérito pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva, o volante Gérson, do Flamengo, e o meia Ramírez, do Bahia, foram intimados pelo auditor nomeado para relatoria do caso, Mauricio Neves Fonseca, para prestar depoimento em fevereiro a respeito da denúncia de injúria racial do flamenguista. Além dos dois, serão ouvidos o zagueiro Natan e o atacante Bruno Henrique, além de eventuais testemunhas que o atleta colombiano – e sua defesa – queira levar.

Gérson acusou Ramírez de falar “cala a boca, negro”. Ramírez negou, mas chegou a ser afastado pelo Bahia. O Flamengo chegou a apresentar outra imagem onde afirma ter tido um ato de injúria, mas agora contra o atacante Bruno Henrique, e afirmou que um instituto contrato teria confirmado a injúria, porém, em nota o instituto negou que tivesse prestado serviços ao clube carioca e participado da perícia. O Bahia, então, contratou especialistas para analisar as imagens da discussão entre o colombiano e Bruno Henrique, e todos afirmaram que o colombiano não falou a palavra negro, mas sim que o colombiano teria dito “Tá quanto? Tá quanto?”.

 

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*