Técnico exalta classificação do Bahia para final da Copa do Brasil Sub-20

"gostaria de agradecer a Deus e ao Bahia por ter confiado em mim"

Foto: Marco Galvão/ECB

Após vencer o Palmeiras nos dois jogos das semifinais, por 2 a 1 no CT Praia do Forte e 3 a 1 no Allianz Parque, o Esporte Clube Bahia garantiu vaga na final da Copa do Brasil Sub-20. As partidas das finais estão inicialmente agendadas para acontecer nos dias 27/12, em Salvador, e 3/1, no Rio de Janeiro. O técnico Eduardo Guadagnucci exaltou a classificação e ressaltou a importância do trabalho de formação.

 

“Primeiramente gostaria de agradecer a Deus e ao Bahia por ter confiado em mim. Me sinto extremamente orgulhoso de estar levando um clube tão grande a uma final de base em nível nacional. Isso serve para coroar a nossa gestão, que pensa a longo prazo, tem convicção do que está fazendo e eu fico muito feliz em estar colaborando com tudo isso. A gente fala muito em conceito e ideias de jogo, independente do resultado. Nós trabalhamos com formação, temos que extrair o máximo dos meninos e mostrar que eles estão prontos para buscar algo a mais. Eu fico extremamente feliz. Mas agora vamos por mais”, afirmou.

Eduardo falou um pouco sobre a administração do grupo diante de um calendário apertado. “A gente tem convicção do que estamos fazendo. A gente às vezes sofreu no Brasileiro, mas sofreu para aprender. Em um momento, com elenco reduzido, nós tivemos que optar por uma competição. O Brasileiro acabou servindo como um suporte para isso. E a estratégia deu muito certo, pois já estamos conseguindo também trabalhar no Brasileiro com alguns meninos para o ano que vem. Então a nossa cabeça está voltada para a formação e extrair o máximo desses meninos”, justificou.

O treinador também falou um pouco sobre o Vasco, que garantiu a vaga na final após eliminar o Atlético-MG na semifinal. “Sobre o Vasco, a gente precisa analisar um pouco melhor. Sabemos que é uma equipe de qualidade. Não tem como um azarão chegar na final. Assim como chegamos com propriedade retirando grandes equipes como Ceará, São Paulo e Palmeiras, sabemos que eles também passaram por fases importantes. Mas agora vamos estudar um pouco mais o Vasco, e traçar a melhor estratégia possível novamente”, falou.

Por fim, Guadanucci fez questão de valorizar a sua equipe de trabalho. “Não posso deixar de registrar que a comissão técnica está de parabéns, e os atletas nem se fala. Os meninos acreditaram na nossa proposta. Eles vivem nisso agora. Hoje estamos numa espécie de bolha, querendo demais isso. Queremos honrar o Bahia, honrar à diretoria que acredita na gente… Estamos felizes demais em poder colaborar com isso”, finalizou.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*