Bellintani: “Ramírez pode ter falado uma coisa e Gerson compreendido outra”

"O que estamos investigando é se Ramirez falou aquilo", disse o presidente.

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

Além da CBF, STJD e Polícia, o Esporte Clube Bahia como uma espécie de “Sherlock Holmes” também está investigando o suposto caso de racismo ocorrido no jogo do último domingo entre Flamengo e Bahia, envolvendo os jogadores Gerson e Ramírez. O volante rubro-negro acusa ter ouvido “cala a boca, negro”, enquanto o meia tricolor nega veementemente qualquer tipo de racismo. Como as provas até o momento não apareceram, fica a palavra de um contra o outro, criando uma divisão de opiniões entre os torcedores brasileiros. O presidente Guilherme Bellintani, em entrevista ao programa Globo Esporte, da TV Bahia, disse que “tem certeza que Gerson não mentiria”, mas admite que o colombiano pode ter falado uma coisa e o volante compreendido outra. Essa dúvida é que está sendo investigada.

 

“Lógico que vejo condições, porque ainda estamos investigando. Se eu não visse condições, estaríamos fazendo uma inquisição preliminar e autoritária. É lógico que vejo condições dele seguir tanto no Bahia quanto em outro clube, mas primeiro temos que concluir as investigações, entender os fatos, dar voz e valor ao depoimento da vítima. Não tenho dúvidas nenhuma que Gerson ouviu aquilo que ele diz que ouviu. A dúvida é se Ramírez falou aquilo e é isso que estamos investigando. Eu tenho certeza que Gerson não mentiria, ele não ganha nada com isso”, afirmou. 

“A voz da vítima é muito preponderante, mesmo que não tenha câmera. O que estamos investigando é se Ramirez falou aquilo. Ele pode ter falado uma coisa e Gerson compreendeu outra, ainda mais por se tratar de uma pessoa que está no Brasil há pouco mais de um mês. Investigação dura, firme, acusação grave, mas que as medidas deve ir às últimas circunstâncias”, completou em entrevista ao programa “Globo Esporte”, da Rede Bahia.

Deixe seu comentário!

9 Comentário

  1. Aí lacratani o próprio Flamengo produziu um relatório e em outra discussão entre Bruno Henrique e Ramirez e foi verificado que Bruno Henrique chama Ramirez de gringo de merda… Agora vai seu bundão e liga para o presidente do flamengo e pedi para ele também afastar Bruno Henrique…

  2. BELINTANI, se o caso envolveu os dois, porque só nosso melhor jogador foi suspenso?Até que se prove o contrário ,não há porque suspender Ramires. Puxa ficha dessetal gerson.

  3. Concordo. Aliás esse presidente rude e subserviente puniu o índio a partir do momento que sacou o mesmo do time. Jogadores do Bahia não pode confiar nesse verme vermelho pois ele não resgata seus feridos do combate, ele acaba é de matar. Bellintani levou a politicagem para dentro do Bahia e dividiu a torcida. Ele usa o Bahia como palanque político para se promover.

  4. Palavras da coisa que se diz presidente do Bahia: “Eu tenho certeza de que o Gerson não mentiria” Pronto já sentenciou o Ramires, uma vergonha este Kara, deveria ter a hombridade e renunciar.

  5. Seu presidente safado, mal caracter. Vai tirar o melhor jogador nos ultimo 3 anos de mandato e vc nao gosta do bahia, nao faz nada pelo bahia e agora o bahia precisa ganhar e sem o indio nao vai dar. Seu bundao

    • Espero que se há um conselho sério tome medidas urgentes contra este Kara que está aí como nome de presidente, vai a uma tv e diz ter certeza que o Gerson não mente, então pedi pra ele ir dirigir outro time. Pior presidente da história do Bahia..

  6. Presidente babaca, condena o seu próprio jogador sem prova, se tive já tinha aparecido, a Não têm que chegar junto sem violência desse otário, deixaria ele jogando até aparecer alguma prova, que não vai aparecer, o próprio Presidente babaca do Baria, vai pra rede Nacional pra aparecer é vida é o Bahia, não se pode Condenar ninguém sem prova é quem têm que provar é Gerson, não Ramires, aí fica esse otário de Bellitana condenado nosso melhor jogador sem prova nenhuma.

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*