Ex-atacante do Vitória foi um dos destaques no retorno do Catarinense

Anselmo Ramon marcou um dos gols no triunfo da Chapecoense

Foto: Marcio Cunha / ACF

O Campeonato Catarinense retornou nesta quarta-feira (08) com dois jogos pelas quartas de final. Criciúma e Marcílio Dias empataram sem gols no Estádio Heriberto Hulse. Bola na rede apenas na Arena Condá, em Chapecó, onde a Chapecoense venceu o Avaí por 2 a 0 e garantiu uma boa vantagem em busca da classificação para as semifinais do Estadual que ficou 115 dias parado pela pandemia do novo coronavírus. Um dos destaques foi o centroavante Anselmo Ramon, artilheiro do Vitória em 2019, que marcou o segundo gol aos 25 minutos do segundo tempo. Quem abriu caminho para o triunfo foi Luiz Otávio aos 9 minutos do segundo tempo.

 

O Avaí se classificou para a fase final em primeiro lugar, com 17 pontos e cinco vitórias, enquanto a Chapecoense conseguiu apenas a oitava e última vaga, com 10 pontos e somente duas vitórias até então. As duas equipes voltam a campo domingo, às 16h, na Ressacada, para definir a classificação. O vencedor encara na semifinal quem passar no duelo entre Criciúma e Marcílio Dias, que empataram em 0 a 0 nesta quarta.

Anselmo é baiano de Camaçari e iniciou nas divisões de base do Bahia. Após se destacar pelo tricolor baiano na Copa São Paulo, foi comprado pelo Cruzeiro em 2007. Na Raposa, não teve muitas chances nos oito anos que esteve vinculado ao clube mineiro. Foi emprestado a Itaúna-MG, Cabofriense-RJ, Kashima Reysol, do Japão, Rio Branco-SP, Avaí-SC, CFR Cluj, da Romênia e Oeste-SP.

O atacante atuou até 2017 no Hangzhou Greentown, da China, onde ficou por quase quatro anos. Foram 41 gols em 88 jogos. Ele retornou ao Brasil em 2018 para defender o Guarani. Esse ano, ele atuou apenas seis jogos pelo Bugre (apenas duas como titular), e não marcou gol. O contrato com o time paulista encerrava no dia 30 de junho, desta forma, conseguiu a liberação para defender o Vitória. Apesar de ter sido o artilheiro do time rubro-negro com 7 gols em 32 jogos, o jogador não teve seu contrato renovado e acertou sua ida para a Chapecoense.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*