Roberto Carlos sugere à CBF anular Estaduais ou mudar para novembro

Presidente da Juazeirense sugere anular sem campeão ou rebaixado

Foto: Max Haack

Além de se posicionar contrário ao retorno do Campeonato Baiano, que ainda não tem data para prevista para voltar, porém, existe uma movimentação para que seja retomado em julho, o presidente da Juazeirense, o Deputado Roberto Carlos, revelou que fez duas sugestões à Confederação Brasileira de Futebol (CBF). A primeira delas seria anular os campeonatos estaduais, sem campeão ou rebaixado, e classificar para os Nacionais, Copa do Nordeste e Copa do Brasil através do ranking da entidade. A segunda sugestão seria mudar os Estaduais para o final de novembro. Sendo assim, os clubes teriam como mandar o elenco já pensando na temporada 2021, sem prejuízos. Vale lembrar que dos 32 jogadores, o Cancão de Fogo dispensou quase todos, ficando apenas com 5 jogadores com vínculo.

 

“Estamos sugerindo, primeiro que a CBF anule todos os campeonatos estaduais, não tenha campeão e nem time rebaixado. E as competições nacionais e regionais de 2021 sejam estabelecidas pelo ranking. Atlético de Alagoinhas, Bahia de Feira e Vitória da Conquista vão disputar a Série D, aí no final do ano, a CBF atualiza o ranking e define os participantes da Copa do Brasil e Copa do Nordeste”, disse, ao Bahia Notícias.

“A segunda sugestão é que os campeonatos estaduais possam ser decididos no final de novembro, que já encostaria na disputa do estadual de 2021, o que já seria um preâmbulo para contratar jogador por seis meses. Com isso não teria prejuízo do ponto de vista financeiro e a pandemia já teria diminuído”, propôs.

O Campeonato Baiano foi paralisado oficialmente no dia 17 de março, restando duas rodadas para o término da primeira fase. Oito times disputam quatro vagas para a semifinal, sendo que o Esporte Clube Bahia lidera com 15 pontos, seguido por Jacuipense, Bahia de Feira e Vitória, formando o G-4. Atlético de Alagoinhas, Juazeirense, Fluminense de Feira e Vitória da Conquista tentam beliscar uma vaga. Doce Mel e Jacobina disputam para ver quem se salva do rebaixamento.

Presidente da Juazeirense dispara contra volta do Baianão: ‘Não somos cobaias’

Comentários:

1 Trackback / Pingback

  1. Presidente do Doce Mel não vê condições do Baianão ser retomado

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*