Venda de atletas: Bellintani tranquiliza o torcedor: “Não vou fazer negócio na maluquice”

Bahia precisará vender jogadores para fazer caixa em meio à crise

Foto – Felipe Oliveira/EC Bahia

O Esporte Clube Bahia recusou recentemente uma oferta de 3 milhões de euros pelo volante Gregore, feita por um clube da Arábia Saudita. Desta forma, o jogador segue no clube, até que chegue uma proposta que agrade a cúpula tricolor. A prioridade no momento é a negociação envolvendo o meia Eric Ramires, que está emprestado ao Basel, da Suíça, até 30 de junho, e até o momento não há uma definição. Apesar de admitir a necessidade de vender atletas para fazer caixa e amenizar os impactos causados pela pandemia do coronavírus, o presidente Guilherme Bellintani tranquilizou o torcedor tricolor, afirmando que “eles sabem que tem um presidente que sabe  fazer negociação” e que não vai fazer maluquice.

 

“Com certeza temos que vender. Já tenho falado isso para a torcida, com toda a franqueza. Vamos precisar vender jogador, a pandemia abalou em cheio as contas do Bahia e de todos os clubes brasileiros. Só dá para amenizar isso vendendo atleta. Mas, vamos analisar propostas. A janela vem em julho, agosto. O torcedor sabe que tem um presidente que sabe fazer negociação. Não vou fazer negócio na maluquice”, garante o presidente.

LEIA TAMBÉM

 

Comentários:

1 Trackback / Pingback

  1. Zagueiro do Vitória será operado do joelho e ficará dois meses afastado

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*