Palmeiras aumenta quantia e oferece dois zagueiros ao Bahia por Gregore

Anderson Barros segue mantendo contato com cúpula tricolor

Foto: Cesar Greco/Agência Palmeiras

Os campeonatos de futebol estão paralisados em razão da pandemia do coronavírus, porém, o mercado da bola segue trazendo novidades e outra vez envolvendo o volante Gregore, que segue na mira do Palmeiras. O diretor de futebol Anderson Barros ainda busca opções para convencer o Esporte Clube Bahia a negociar o jogador de 26 anos, mas qualquer tratativa só vai ser concluída mesmo após o retorno das atividades dentro das quatro linhas. Gregore entrou na mira do Verdão no final do ano passado após um pedido do técnico Vanderlei Luxemburgo, que vê o jogador como peça importante para o seu plantel que não tem um jogador com características de roubador de bolas. O presidente Maurício Galiotte aposta na boa relação com os baianos para sacramentar uma eventual negociação.

 

Na primeira tentativa, o Palmeiras formalizou uma proposta de 2,5 milhões de dólares (cerca de R$ 12,7 milhões na cotação atual) por 50% dos direitos econômicos de Gregore, que foi recusada pelo Bahia. Segundo o jornalista PVC, do Globoesporte, o presidente Guilherme Bellintani avaliou a proposta muito abaixo do que quer para aceitar negociar o volante de 26 anos. Vale lembrar que em janeiro, o Bahia recusou proposta muito boa de US$ 4,25 milhões (cerca de R$ 22 milhões na cotação atual) do Seattle, dos Estados Unidos. Segundo o Esporte Interativo, o Bahia também recebeu consultas de clubes da Europa e da Ásia. Dessa vez, o Palmeiras aumentou a quantia para R$ 18 milhões mais a cessão de dois jogadores.

De acordo com informações do colunista Rodrigo Barata, o Palmeiras aceitaria incluir dois zagueiros no negócio. Um deles é Luan, atualmente reserva no time de Luxemburgo, e que agrada ao técnico Roger Machado. Luan trabalhou com Roger no Verdão em 2018. O defensor de 26 anos está no Palestra desde 2017 e terminou o ano passado como titular ao lado de Gustavo Gómez. No total, são 83 jogos e 5 gols marcados. Porém, hoje ele é apenas a quarta opção com Luxa, atrás de Gustavo Gómez, Felipe Melo (que virou zagueiro) e Vitor Hugo. O outro seria Emerson Santos que, por sua vez, retornou do empréstimo ao Internacional na temporada passada, e ainda não entrou em campo em 2020.

Gregore chegou ao Bahia como uma aposta após defender o Santos no Campeonato Brasileiro de Aspirantes em 2017, emprestado pelo São Carlos-SP até o final de 2018, no entanto, despontou rápido o que fez com que a diretoria tricolor adquirisse o seu passe em definitivo em maio do ano passado, desembolsando R$ 1 milhão por 50% dos direitos econômicos. Depois, o Bahia acabou comprando mais 40% dos direitos econômicos do camisa 26 (sem revelar valores) passando a ter 90% dos direitos. Seu contrato com o Esquadrão de Aço é válido até 2021.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*