Meio-campista mira chance no time principal do Bahia: “Foco principal”

Ramon é um dos destaques do time de transição no Baianão

Fotos: Felipe Oliveira / EC Bahia

Contratado junto ao Internacional no final do ano passado após passagem pelo Vila Nova, o meio-campista Ramon é um dos destaques do Esporte Clube Bahia na disputa do Campeonato Baiano. Antes de se lesionar, o jogador atuou em cinco jogos e marcou dois gols, sendo um dos artilheiros do time na competição. Dono da camisa 10 e com boas atuações, o atleta é cotado para ser promovido ao time principal, comandado pelo técnico Roger Machado. Ele, inclusive, é bastante elogia pela torcida que pede uma chance do jogador na equipe de cima. Sobre a possível promoção, Ramon não esconde que esse é o principal foco e segue trabalhando para que as coisas aconteçam naturalmente.

 

“Esse é o meu foco principal [jogar no time principal]. Certeza que Roger acompanha de perto e troca todas as informações com a comissão e com o Dado. Seguir trabalhando, fazendo um bom papel pelo Bahia que as coisas vão acontecendo naturalmente. O Roger está vendo todas as condições, observando de perto todos os jogadores. A gente fica com a cabeça tranquila e tenta sempre desempenhar o melhor futebol possível no Campeonato Baiano. Na verdade, o grupo é um só. Apenas foi dividido pelo calendário intenso que a gente tem aqui no Brasil. Um grupo joga o Campeonato Baiano, o outro joga a Copa do Nordeste e a Sul-Americana. É tudo muito perto, tudo muito conectado”, comentou o jogador Ramon.

Natural de Limeira, Ramon Rodrigo de Carvalho tem 22 anos e iniciou a carreira nas categorias de base do Desportivo Brasil e ainda teve uma rápida passagem pela base do Palmeiras antes de chegar ao Internacional. No time gaúcho, atuou nas equipes de base e aspirantes, sendo emprestado ao Vila Nova-GO em 2019. Atuou em 40 partidas pela equipe goiana e anotou dois gols. Apesar do rebaixamento do Vila Nova à Série C, Ramon teve bastante regularidade e chamou a atenção do Bahia com a ajuda do DADE. Até aqui, são cinco jogos pelo Esquadrão no Campeonato Baiano e dois gols marcados.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*