Rodriguinho aceita proposta do Bahia e é aguardado em Salvador

Rodriguinho chega para ser o tão esperado camisa 10

A “novela” Rodriguinho rendeu muitos capítulos, mas o desfecho está próximo, faltando apenas o tão aguardado SMS enviado pela diretoria do Esporte Clube Bahia aos sócios-torcedores que recebem a notícia em primeira mão. A qualquer momento, o clube deve anunciar a contratação do meia Rodriguinho, de 31 anos, que rescindiu seu contrato com o Cruzeiro, perdoando parte da dívida que teria direito a receber. Essa informação não é nova, no entanto, de acordo com o site Globoesporte, em publicação na noite desta sexta-feira, o jogador acertou as bases de seu contrato com o Bahia, que deve anunciar sua contratação em breve. Ele, inclusive, é aguardado na capital baiana neste final de semana ou no mais tardar no início da semana, para realizar exames médicos e assinar contrato. Mais cedo, o jornalista Jorge Nicola cravou que a oferta é de R$ 300 mil de salários por mês (com bônus que podem elevar à R$ 400 ou 450), por dois anos de contrato.

 

As conversas entre Rodriguinho e o Bahia já duravam algumas semanas. O clube baiano, no entanto, aguardava a rescisão contratual do meia com o Cruzeiro, para evitar um leilão pelo jogador. Na última quinta-feira, a Raposa confirmou o encerramento do vínculo com o atleta; o clube ficou com 20% dos direitos. Contratado pelo clube mineiro no início do ano passado, Rodriguinho tinha contrato válido até o fim de 2021 e abriu mão do que teria a receber até o encerramento do vínculo.

Para contratar o meia de 31 anos, o Bahia superou a concorrência de clubes do futebol brasileiro e do exterior. Prevaleceu a vontade de Rodriguinho de permanecer no Brasil, por causa do nascimento de seu filho. Na temporada de 2019, Rodriguinho disputou 20 partidas e anotou oito gols pela Raposa: quatro no Campeonato Mineiro, três na Copa Libertadores e um no Campeonato Brasileiro. Neste ano, ele entrou em campo pelo Cruzeiro e apenas dois jogos sem marcar gols. Além do Bahia, o meia é alvo de Athletico-PR e Atlético-MG.

Deixe seu comentário

1 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*