Palmeiras joga água fria no interesse do Coritiba pelo meia Guerra

Alejandro Guerra atuou pelo Bahia na temporada 2019

Apesar do interesse do Coritiba que fez uma sondagem para um possível empréstimo, o Palmeiras busca negociar o meia Alejandro Guerra de forma definitiva para fora do país, de acordo com informação do site Globoesporte. O diretor de futebol alviverde, Anderson Barros, afirmou que o clube tem interesse em negociar o venezuelano, mas a prioridade da direção é vender o jogador para o exterior. O atleta teve uma passagem apagada pelo Esporte Clube Bahia esse ano, atuando 18 vezes e marcando um gol. No entanto, o clube paranaense terá que esperar alguns dias para saber se poderá negociar o jogador. Caso nenhuma proposta do exterior apareça e seja considerada vantajosa.

 

Em entrevista recente à rádio oficial do clube, o presidente Samir Namur, afirmou que o Coxa está tentando as contratações do meia Alejandro Guerra e do atacante Berrío, do Flamengo. O mandatário ainda revelou que dois atletas do Grêmio estão dentro do planejamento, mas não citou nomes. Outro jogador tentado, mas barrado pelo Corinthians, foi o atacante Vagner Love. Vale lembrar que sobre Berrío, na última quinta-feira, o gerente de futebol do Flamengo Paulo Pelaipe, disse À reportagem que ainda aguardava um contato do Coritiba sobre o jogador e que a prioridade também é vender.

Bancado pela Crefisa que pagou US$ 3,7 milhões (cerca de R$ 11,7 milhões, na cotação da época) da Crefisa, Alejandro Guerra chegou ao Palmeiras em 2017 com a pompa de ter sido melhor jogador da Copa Libertadores do ano anterior vestindo a camisa do Atlético Nacional, porém, não vingou pelo clube paulista e sofreu com as lesões nas últimas temporadas. Em 2017, fez 38 jogos e marcou 7 gols. Em 2018, pouco entrou em campo, passou 4 meses se recuperando e quando entrou foi saindo do banco. Jogou 23 partidas e anotou apenas um gol. Ao todo, marcou oito gols em 62 partidas. No Bahia, foram apenas 18 jogos e um gol marcado.

VEJA TAMBÉM

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*