Lateral da Chapecoense é disputado por Bahia, Ceará e Fluminense

Bruno Pacheco tem contrato com o clube catarinense até 2021

Foto: Márcio Cunha/ACF

Com a queda para Série B, a Chapecoense terá enormes problemas financeiros para a temporada 2020. Diante disso, terá que negociar alguns jogadores do elenco. Um dos cotados para deixar o clube é o lateral-esquerdo Bruno Pacheco, de 28 anos, que já estava na mira do Fluminense. Porém, de acordo com o site Globoesporte, Bahia e Ceará entraram na disputa e fizeram sondagens pelo jogador que tem contrato com a Chape até o fim de 2021, no entanto, o salário é considerado alto pela diretoria do clube de Chapecó.

 

Para a Série B, a Chapecoense conta com outros três laterais-esquerdos. Roberto, que teve o contrato renovado para 2020, Vini Freitas e Alan Ruschel, que voltam de empréstimos do Botafogo-SP e Goiás, respectivamente. No Verdão do Oeste desde o início de 2018, Bruno Pacheco foi um dos poucos jogadores que mantiveram regularidade na temporada. Titular incontestável, fez mais de 100 partidas pelo clube.

Natural de Araraquara (SP), Bruno de Jesus Pacheco tem 28 anos e surgiu na Ferroviária. Passou ainda por Ivinhema, Inter de Limeira, São Bento, Ipatinga, Vitória da Conquista, Guarani-SP, Bragantino, Atlético Goianiense e Chapecoense. No time catarinense, atuou nas últimas duas temporadas, entrando em campo 49 vezes em 2018 e 53 em 2019.

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*