Sem vencer há 6 jogos, Bahia tenta derrubar dois tabus contra o Palmeiras

Esquadrão não vence o Palmeiras desde 2012; Em Salvador, desde 88

Foto: Ricardo Moreira/BP Filmes

Após um empate agitado no primeiro turno, com dois gols de Gilberto e dois de Dudu no Allianz Parque, jogo também marcado pela expulsão do volante Felipe Melo que estará de volta beneficiado pelo efeito suspensivo, Bahia e Palmeiras voltam a se enfrentar no domingo, às 16h, agora na Arena Fonte Nova, valendo pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Verdão entra em campo em busca da vitória para tentar manter viva a chance (hoje remota) de título. A diferença para o Flamengo é de 11 pontos, sendo que o time carioca tem um jogo a mais e provavelmente utilizando um time misto terá pela frente o Grêmio em Porto Alegre.

 

Além do jejum de seis jogos sem vencer no Campeonato Brasileiro, o Esporte Clube Bahia tem dois TABUS para quebrar contra o Palmeiras um ligado ao outro, ou seja, na hipótese do triunfo esperado, derrubará os dois de uma só vez. O Esquadrão não vence o Palmeiras desde 2012, quando bateu por 2 a 0, na Arena Barueri, com os dois gols marcados pelo atacante Souza “Caveirão’. Naquela ocasião, o time tinha: Marcelo Lomba; Gil Bahia, Danny Morais, Titi e Hélder; Fabinho, Fahel, Kleberson e Zé Roberto; Ciro e Souza. Os últimos três triunfos do Bahia sobre o Palmeiras foram todos em solo paulista. Além de 2012, venceu por 2 a 1 pelo Brasileirão de 1990. Voltou a vencer em 2002, novamente em São Paulo, por 2 a 0, pelo Brasileiro daquele ano. De 2012 para cá, foram dez partidas disputadas, com cinco vitórias do Palmeiras e cinco empates.

Atuando em Salvador, o TABU é ainda maior, aliás, gigantesco. A última vez que venceu o Palmeiras na capital baiana foi no dia 30 de outubro de 1988, época do bicampeonato, por 1 a 0, com gol de Pereira em cobrança de falta. De 88 para cá, foram 12 jogos em Salvador, um pela extinta Copa João Havelange, um pela Copa do Brasil de 2018 e outros 10 pelo Brasileirão. Incrivelmente, o Tricolor Baiano sofreu 8 derrotas e empatou 4 vezes. A última partida em Salvador terminou empatada por 1 a 1 no Brasileiro de 2018. Gilberto fez para o Bahia. Felipe Melo empatou para o Verdão.

No retrospecto geral, o Palmeiras também leva vantagem. Contando apenas confrontos pelo Brasileiro (de 1968 a 2019), ambos se enfrentaram 39 vezes, o Verdão venceu 19, enquanto o Esquadrão apenas 8 e tivemos outros 12 empates. Os paulistas balançaram as redes 54 vezes e os baianos 32. Atuando em Salvador, o Bahia enfrentou o Palmeiras 17 vezes pelo Brasileirão, vencendo apenas 3, perdendo 8 e empatando 6. Contando todas as competições, Brasileirão, Copa do Brasil e Copa dos Campeões, são 45 confrontos, com 23 vitórias do Alviverde, 13 empates e 9 triunfos do Tricolor.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*