Cinco 5 pontos na boca, volante do Bahia sai na bronca com o árbitro

“Falar o quê? Ele nem olhou o VAR", disparou o jogador

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

Mesmo atuando com um jogador a mais após a expulsão de Orejuela, o Esporte Clube Bahia sofreu o empate do Cruzeiro com gol de Sassá, ficando no empate por 1 a 1 no Estádio do Mineirão, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Esquadrão havia aberto o placar com Fernandão de pênalti. Com o resultado, o Bahia completa o quarto jogo seguido sem triunfo no Campeonato Brasileiro e agora é o décimo colocado com 42 pontos perdendo posição para o Goiás que venceu o Avaí por 2 a 0. Após a partida, o volante Flávio valorizou o ponto conquistado fora de casa, mas saiu na bronca com o árbitro devido um lance onde leva uma cotovelada no rosto. Ele acabou levando cinco pontos, mas voltou para o campo com um curativo.

 

“Falar o quê? Ele nem olhou o VAR. Cinco pontos na boca, inadmissível. Não gosto de falar de arbitragem, mas é inevitável.A gente queria o triunfo, não deu. Empate importante porque a gente voltou a pontuar”, disparou.

Na próxima rodada, a de número 31, o Esporte Clube Bahia volta a atuar em Salvador, onde não vence há quatro partidas (perdeu para Athletico, Ceará e Internacional. Empatou com o São Paulo). O adversário será o vice-lanterna Chapecoense, às 21h30 desta quarta-feira (06), na Arena Fonte Nova.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*