Será que o atacante Fernandão é o ânimo que o Bahia precisa?

O camisa 20 está no seleto grupo de jogadores amados pela torcida

O Esporte Clube Bahia teve e tem muitos ídolos, o atacante Fernandão está dentro desse seleto grupo de jogadores amados pela torcida e que fizeram muita diferença quando por aqui estiveram. Na sua primeira passagem pelo Tricolor de Aço em 2013, contribuiu com a equipe para alcançar a décima segunda colocação ficando a frente de times como Internacional, Fluminense e Flamengo. Foram 41 jogos e 18 gols na temporada (15 marcados na Série A e no Campeonato Baiano).

Os seus 15 gols marcados no Campeonato Brasileiro de 2013 fizeram com que ele figurasse na história do Bahia como o segundo maior artilheiro do Tricolor em uma edição do Brasileirão, superando Douglas Franklin, que fez 14 gols em 1978 e somente atrás de Claudio Adão, que balançou as redes 18 vezes no campeonato de 1986. Ao lado de outros jogadores que ficam à disposição do técnico, meus caros torcedores e leitores, será que ele é o ânimo que o time precisa?

Sabemos que um time só rende dentro de campo quando todos ou a sua maior parte dos jogadores colaboram para esse fim. Não podemos ser injustos em não falar da grande fase que vive o Gilberto e que caminha a passos largos para se tornar também um dos maiores ídolos que o Bahia já teve.

Recuperado de lesão, Fernandão torna-se mais uma opção para o técnico Enderson Moreira, além dos volantes Elton e Yuri, e também o atacante Rogério. Com a possível entrada desses jogares em campo o Bahia irá enfrentar o Sergipe, último colocado do grupo A e ainda sem pontuar na competição, com 5 derrotas em 5 jogos, apenas 2 gols marcados e 8 sofridos.

Sem desmerecer o time adversário, que não atravessa boa fase, é preciso que o Esporte Clube Bahia fique atento à sua postura dentro de campo, caso contrário pode se atrapalhar novamente. Pelo menos é o que vem acontecendo dentro de campo em algumas partidas que presenciamos em atuações do time.

Abraço a todos!

Marcos Leite – Professor, Torcedor apaixonado pelo Esporte Clube Bahia e colaborador do Futebol Bahiano.



Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*