Sul-Americana: Bahia deve ter zagueiro improvisado na lateral-esquerda

Léo foi expulso no jogo contra o Botafogo

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

Com a expulsão de Léo na última quinta-feira em triunfo do Bahia por 2 x 1 sobre o Botafogo na Arena Fonte Nova, o técnico Enderson Moreira terá dor de cabeça para escolher o substituto do jogador, isso porque Paulinho que poderia ocupar o lugar, não foi inscrito na competição internacional. Sem um lateral de ofício, o treinador terá que improvisar na posição e um zagueiro larga na frente.

O técnico Enderson Moreira comentou a inscrição do meia Ramires e do atacante Clayton na lista da Sul-Americana. Ambos foram os responsáveis pelos gols no triunfo sobre o Botafogo. Porém, o comandante lamentou a expulsão do lateral Léo e indicou que Everson é o mais cotado para assumir a posição no duelo de volta, dia 3 de outubro, no Rio de Janeiro.

“Acho que tudo pode. Quando a gente fez a escolha foi porque tivemos um problema com Élber. Era importante que a gente tivesse boas oportunidade ofensivas. A gente não ia deixar o Ramires de fora. Para a outra vaga escolhemos o Clayton. A gente tem o Éverson que já jogou nessa função. O Léo quase que não dá brecha. Mas faz parte. Importante que a gente possa ter uma equipe competitiva lá. Se for a escolha do Everson, a gente tem a capacidade de perder em alguns aspectos, mas ganhar em outros”, afirmou.



Com zagueiro e meia no DM, Bahia treina neste sábado de olho no Vasco

Deixe seu comentário