Guto acredita que Bahia pode jogar de igual pra igual com o Palmeiras

O técnico Guto Ferreira concedeu entrevista para falar do próximo jogo do Bahia, contra o Palmeiras, sábado, às 21h, no Allianz Parque, em São Paulo. Porém, questionado sobre o time titular, ele fez mistério e não deu pistas, apenas indicou que Nino Paraíba deve retornar ao time no lugar de João Pedro, que pertence ao Verdão e não pode entrar em campo, somente se o tricolor pagar uma multa. Já na zaga, Tiago está de recuperado e deve voltar no lugar de Everson.

“Acho que passa como um todo. Passa pelo tempo parado de Tiago, voltando contra quem volta. Temos algumas preocupações. Tem a decisão toma, mas a gente não vai revelar. É importante que a coisa seja progressiva”, disse Guto.

Com o elenco mais caro do futebol brasileiro, o Palmeiras é teoricamente o favorito na partida. No entanto, Guto Ferreira não teme o adversário e afirma que o Bahia pode jogar de igual pra igual com o clube paulista em São Paulo, onde o Esquadrão não perde há 17 anos. Veja abaixo:



“É inegável. Comece em quem tem muito poder de investimento tende a trazer as melhores condições de trabalho, os “melhores jogadores”. Enfim, joga campeonatos que permite que impulsionem você a estar num estágio à frente. Agora, nós temos que buscar, dentro das nossas limitações e das nossas virtudes chegar o mais perto possível do equilíbrio com eles. E o futebol é um dos poucos esportes que permite com que aqueles que teoricamente mais fracos rivalizem o equilíbrio com os mais fortes, através de estratégia, disposição. Porque cada momento do futebol é um momento. Então, é justamente isso que a gente tem que buscar. O teoricamente mais fraco do Bahia, a partir da minha leitura do mercado, pode fazer com que o Bahia sim rivalize de igual para igual e possa vencer o Palmeiras. É dessa maneira que a gente pensa em buscar essa situação. Eu não acredito nessa diferença e o futebol é assim “, afirmou.

 

Ouça a entrevista

Bahia contrata meia-atacante e se aproxima de volante para o Sub-23

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*