De vilão à herói, Goleiro do Vitória atrai interesse de clube italiano

Nada melhor do que um dia após o outro, não é verdade? Ainda mais para o goleiro Caíque, que se redimiu nesta quinta-feira após a falha no jogo de ida contra o Internacional em Porto Alegre e foi de “vilão” à herói pegando dois pênaltis no Barradão e colocando o Leão nas oitavas de final da Copa do Brasil. No tempo normal, o Leão venceu por 1 a 0, com gol de Neílton.

Após o jogo, Caíque concedeu entrevista na zona mista do Barradão e comentou sobre o interesse do Bologna, da Itália, que teria enviado olheiros para observar a promessa rubro-negra no jogo desta noite e, diga-se, ele soube aproveitar e deve ter agradado os representantes do clube italiano. No entanto, o arqueiro desconversou e preferiu apenas falar sobre o jogo onde saiu de campo ovacionado e as críticas que vinha recebendo. Veja abaixo:


“Não estou sabendo de nada. Vou conversar com meus empresários. Eles resolvem isso aí. Agradeço à diretoria, ao grupo, à comissão, que mesmo eu falhando me apoiaram. Caíque era ruim, era isso…. Não errou porque quero. Tento fazer meu melhor. Agradeço também ao torcedor do Vitória, uns me apoiaram, outros me criticaram. Vi muita coisa em rede social, mas procuro não me importar com isso. Caíque continua com os pés no chão, na humildade. Não aconteceu nada, foi só um jogo. No final de semana já tem mais uma batalha”, disse.

LEIA TAMBÉM:

Volante detona os “babacas” e dispara: Mancini é o melhor técnico do Brasil

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*