ECPP x BOA: Jogo com status de Final de Copa do Mundo para o Bode!

Apenas por estar no certame, o alviverde abocanhou R$ 500 mil.

O Vitória da Conquista é a Bahia na Copa do Brasil. Nesta terça-feira, às 19h, o Bode faz a partida de abertura da competição diante do Boa Esporte, no estádio Lomanto Júnior. O técnico Washington passou para os jogadores a importância da classificação inédita na 1ª fase e de fazer história pelo clube.

O jogo é somente MATA, não mais ida e volta. Ou seja, para o ECPP só serve o triunfo. O empate é do BOA. Nas últimas três participações na Copa do Brasil, o Vitória da Conquista só avançou de fase em 2016, quando chegou na 2ª fase da Copa do Brasil ao eliminar na fase inicial o Náutico, com dois empates (0x0 em casa e 1×1 fora). Na fase seguinte, foi eliminado pelo Santa Cruz ao ser derrotado por 2 a 0 no Lomanto Júnior.

Em 2015, o Vitória da Conquista foi eliminado pelo Palmeiras, após ser goleado em casa por 4 a 1, eliminando o jogo de volta. Fato que se repetiu em 2017, agora já com novo regulamento, jogo único, ficando no empate no Lomantão com o Coritiba (1×1).

Em má fase no Campeonato Baiano, onde amargou duas derrotas, contra Vitória e Jequié nas duas primeiras rodadas, o Vitória da Conquista quer “fazer as pazes” com seu torcedor e conquistar o triunfo diante do Boa que garante a classificação. Apenas por estar no certame, o alviverde abocanhou R$ 500 mil. Se passar de fase, assegura mais R$ 600 mil para os seus cofres. Segundo o presidente do Bode, é uma FINAL DE COPA DO MUNDO.

“Para a gente é final de Copa do Mundo. É o jogo mais importante porque vai impactar na programação do clube no segundo semestre, pela possibilidade de receber a cota, e também a visibilidade da competição”, disse o presidente do Conquista Ederlane Amorim.

LEIA TAMBÉM

Washington confia na classificação do Vitória da Conquista na Copa do Brasil

Deixe seu comentário