Atacante do City Torque era cotado para reforçar o Bahia em 2024

Nicolás Siri, de 19 anos, tinha o Esporte Clube Bahia como um dos destinos prováveis.

Foto: Divulgação/City Torque

Um dos clubes que fazem parte do City Football Group, o Montevideo City Torque amargou o rebaixamento para a segunda divisão do futebol uruguaio. Desta forma, alguns jogadores que se destacaram pela equipe devem trocar de clube na próxima temporada, um deles o atacante Nicolás Siri, de 19 anos, que tinha o Esporte Clube Bahia como um dos destinos prováveis. A informação foi divulgada pelo canal “Bara Bahêa”.

 

A imprensa uruguaia dava como certa a saída de Nicolás Siri do Montevideo City Torque, e afirmou que o centroavante deve atuar no Bahia ou New York City em 2024. O grande empecilho é a lesão sofrida pelo jogador, que rompeu o ligamento na última quinta-feira (07) e vai passar por cirurgia, mesmo caso do volante Nicolás Acevedo, que pertence ao New York City, e está emprestado ao Bahia.

“Estava previsto que o atacante seguiria sua carreira em outro clube do Grupo em janeiro, Bahia e New York City eram as chances”, informou Iván Buela Cardozo, da rádio Oriental 770.

Com a lesão, o futuro de Nicolás Siri está indefinido. Em agosto desse ano, o lateral-esquerdo Caio Roque, de 21 anos, desembarcou no Bahia, vindo do Lommel SK, da Bélgica, para se recuperar de uma lesão de ligamento. O jogador assinou contrato em definitivo com o Esquadrão e será reforço para 2024.

Nascido em Montevideo (Uruguai), Nicolás Hernán Siri Cagno foi revelado pelo Danubio, onde se profissionalizou em 2020, disputando 11 jogos e marcando 4 gols, antes de ser adquirido pelo Montevideo City Torque. Demorou para se firmar no time titular, mas em 2023 foi o principal destaque do time, com 10 gols marcados em 29 jogos. Ele disputou o Sul-americano e o Mundial Sub-20 pela Seleção do Uruguai.

Autor(a)

Fellipe Amaral

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: futebolbahiano2007@gmail.com

Deixe seu comentário