Release Arena Fonte Nova – Made in Bahia completa dois anos

O Business Bahia, grupo empresarial formado por duzentos e cinquenta gestores baianos, está completando dois anos de atividades

O Business Bahia, grupo empresarial formado por duzentos e cinquenta gestores baianos, está completando dois anos de atividades após se tornar protagonista de uma das mais bem-sucedidas ações de valorização dos produtos e serviços baianos da história, quando lançou a campanha Made in Bahia. Com o objetivo de despertar na população a importância de priorizar o consumo dos produtos e serviços locais e de incentivar o orgulho da baianidade também ao consumir, o selo “Made in Bahia’ se tornou oficial com aprovação de Lei na Assembleia Legislativa da Bahia.

 

Integrante do grupo empresarial, Dênio Cidreira, presidente da Arena Fonte Nova, considera o Made in Bahia um movimento fundamental para a Bahia “Esta é uma campanha muito importante para a economia do nosso estado justamente por despertar na população o desejo de consumir produtos locais, levando a baianidade também para a economia”, afirma.

Para Carlos Falcão, líder do Business Bahia, ainda será importante mudar o projeto de patamar, e para isso algumas ações políticas se fazem necessárias, como a aprovação do PL que cria o Programa de Estímulo à Produção Baiana. Este PL, se aprovado, irá conceder incentivos às empresas baianas que aderirem ao selo Made in Bahia, o que irá consolidar a campanha e fortalecer a conscientização dos nossos consumidores. Além disso o Grupo pleiteará a Secretaria de Desenvolvimento Econômico que inclua no Protocolo de Intenções a serem assinados com as empresas beneficiadas de incentivos fiscais a orientação que o selo Made In Bahia, sempre que possível, seja utilizado nas embalagens de produtos produzidos em nosso Estado.

“Sabemos que uma economia local forte gera mais oportunidades para todos. Acreditamos nesse propósito, valorizar as empresas e gestores baianos.

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*