Rodallega atravessa 2ª maior seca de gols desde chegada ao Bahia

Recentemente, Guto Ferreira foi questionado sobre o jejum do colombiano.

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

O atacante Hugo Rodallega iniciou a temporada em alta, assumindo o posto de artilheiro do Esporte Clube Bahia após a saída de Gilberto. Em 14 jogos, marcou 12 gols, terminando como artilheiro da Copa do Nordeste, com 8 gols. Porém, na estreia da Série B do Brasileiro, no jogo contra o Cruzeiro, no dia 8 de abril, o centroavante acabou se lesionando e desfalcou o Esquadrão por dois meses (oito jogos), só retornando ao time no jogo contra o Criciúma, no dia 4 de junho. Desde a volta aos gramados, o colombiano disputou quatro jogos (Criciúma, Sport, Operário e Chapecoense), e não conseguiu balançar as redes.

 

Desde que voltou de lesão, Rodallega ainda não conseguiu o mesmo desempenho na Série B do Campeonato Brasileiro. A última vez que balançou a rede foi no triunfo do Bahia sobre o Sergipe, pela Copa do Nordeste. São cinco jogos, exatos 443 minutos sem marcar. Esse é o segundo maior jejum desde que ele chegou ao clube, no ano passado. Em 2021, o colombiano ficou 11 jogos sem marcar, somando 518 minutos sem bola na rede, porém, vale lembrar que ano passado ele era reserva de Gilberto.

Recentemente, Guto Ferreira foi questionado sobre o jejum do colombiano, e não mostrou preocupação. Ao contrário, o treinador afirmou que já esperava a dificuldade de Rodallega nesse retorno ao time, e justificou que, desde que foi liberado pelo departamento médico, o atacante enfrenta uma sequência pesada de jogos, sem tempo para recuperar.

“Eu sabia que no primeiro momento da volta dele ele teria dificuldade. Pelo tempo que ficou parado ele perdeu ritmo. Ele voltou com sequência de jogos e só agora ele vai ter tempo de recuperar. A tendência é que na próxima partida ele esteja um pouco melhor. Quando tiver semana livre o jogo dele vai melhorar”, comentou o técnico tricolor.

 

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*