Fim da linha! Vitória anuncia demissão de Geninho após derrota para o Fortaleza

Esta foi a quarta passagem de Geninho no comando da equipe rubro-negra.

Na noite desta quarta-feira, logo após a derrota por 3 a 0 para o Fortaleza, pela Copa do Brasil, o Esporte Clube Vitória por meio de nota anunciou a demissão do técnico Geninho, que foi anunciado em março após a saída de Dado Cavalcanti e comandou a equipe em quatro jogos, com um triunfo e três derrotas. O Leão venceu o Glória-RS, mas emplacou três derrotas seguidas (Remo, Floresta e Fortaleza).

 

“O Esporte Clube Vitória anuncia que Eugênio Machado Souto, o Geninho, não continuará técnico da equipe. Geninho foi comunicado da decisão após a derrota para o Fortaleza, nesta quarta-feira, em Fortaleza, pela Copa do Brasil. O clube agradece ao profissional pela dedicação e deseja sucesso no próximo desafio”, informou a diretoria da agremiação, por meio de nota oficial.

Esta foi a quarta passagem de Geninho no comando da equipe. A primeira foi em 1994 e a última em 2019 quando manteve o time na Série B e saiu no início do ano seguinte por causa da pandemia do coronavírus. Geninho foi também goleiro do Vitória nos anos 80 e seu último time como treinador foi o Avaí em 2020. Depois, ele recusou alguns convites para se preservar da pandemia do coronavírus.

Geninho comandou o Esporte Clube Vitória na Série B de 2019, e fez um bom trabalho, conseguindo livrar o time do rebaixamento. Iniciou o ano também com um bom trabalho, mas acabou demitido em junho de 2020 em razão da crise financeira vivida pelo clube. À época, o técnico se mostrou surpreso com a decisão e afirmou que chegou a abrir mão de 90% do salário. Geninho deixou o Vitória após 25 jogos e 50,6% de aproveitamento. Depois dele, o clube efetivou Bruno Pivetti, demitido com 19 jogos realizados e 36,8% de rendimento.

Deixe seu comentário!

1 Comentário

  1. Não sou torcedor do Vitória mas acompanho os jogos, mas demitir Geninho por perder para o Fortaleza acho injustiça e falta de maturidade, pois o Vitória não encontrará um profissional a altura, pois a entidade não atravessa boas condições financeiras!!!

5 Trackbacks / Pingbacks

  1. Após derrota para o Fortaleza, Geninho se reúne com diretoria do Vitória para definir futuro
  2. Após demitir Geninho, Vitória negocia retorno de Rodrigo Chagas
  3. CSA x Bahia, pela 3ª rodada da Série B, terá arbitragem de Goiânia
  4. Vitória contrata o quarto lateral-esquerdo para a temporada 2022
  5. Geninho critica gestão do Vitória: "Era melhor não ter me chamado"

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*